Nilton Fukuda/AE
Nilton Fukuda/AE

Atacante palmeirense Kleber acredita que julgamento no STJD é exagero

Jogador pode ser punido por não devolver bola ao Flamengo em lance de 'fair play'

AE, Agência Estado

28 de julho de 2011 | 20h38

SÃO PAULO - Para o atacante Kleber, houve exagerado ao levá-lo a julgamento no STJD por conta da confusão no jogo entre Palmeiras e Flamengo, pela 10.ª rodada do Campeonato Brasileiro. No lance em questão, o atacante não devolveu uma bola para os cariocas, como queriam os jogadores rubro-negros, chutou a gol, e foi duramente repreendido pelos adversários, que esperavam pelo 'fair play'.

"Isso não precisava acontecer. Todo mundo viu que eu pedi para os jogadores do Flamengo colocarem a bola para fora. É uma coisa que nem na regra tem. Espero que o STJD entenda o que aconteceu e nada de ruim venha acontecer. Estou tranquilo", disse o jogador alviverde, que será julgado nesta sexta-feira.

Independente do resultado do julgamento, Kleber é ausência certa contra o Atlético-MG, sábado, no Canindé. Ele levou o terceiro cartão amarelo contra o Figueirense e está suspenso. "Acho que ocorreu em um bom momento, pois é um jogo dentro de casa e estamos tendo vitórias dessa forma. Além disso, quando não joguei, o time continuou indo bem", disse o atacante, que não crê que fará falta.

O volante Márcio Araújo também será desfalque contra a equipe mineira. Após descansar na quarta, o goleiro Marcos volta neste sábado e Deola retorna ao banco de reservas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.