Atacante português é acusado de estupro

O atacante português Cristiano Ronaldo, que atua no Manchester United, foi interrogado, nesta quarta-feira, numa delegacia de Manchester (Inglaterra). Ele é acusado de estupro por uma mulher, mas jura que é inocente e que está sendo vítima de uma armação. A mulher que fez a denúncia ? cujo nome não foi revelada pela polícia ? diz ter sido estuprada pelo jogador do Manchester United num hotel localizado no centro de Londres, no dia 2 de outubro. Um porta-voz do Manchester disse que o clube não fará comentários, por enquanto, sobre o assunto. Mas o auxiliar-técnico Carlos Queiroz, que é português, falou sobre o caso a uma rádio de Lisboa. ?Cristiano Ronaldo não foi detido. Ele treinou normalmente hoje (quarta) e depois foi à delegacia. O depoimento já estava marcado. Não houve surpresa nenhuma?. Queiroz não quis falar muito sobre a acusação feita contra Cristiano Ronaldo. ?A denúncia pode ou não ter fundamento. A polícia tirará suas conclusões com base no depoimento de Ronaldo?. Cristiano Ronaldo é titular da seleção de Portugal e um dos ídolos da torcida do Manchester United.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.