Ronald Wittek/EFE
Ronald Wittek/EFE

Atacante que se machucou na estreia pela seleção alemã é cortado por Joachim Löw

Timo Werner teve lesão muscular na coxa

O Estado de S.Paulo

23 de março de 2017 | 14h26

O atacante alemão Timo Werner, que havia sido convocado pela primeira vez para a seleção principal pelo técnico Joachim Löw, foi cortado da equipe nacional nesta quinta-feira. Ele se machucou aos 32 minutos do segundo tempo do amistoso contra a Inglaterra, vencido pelos alemães com um gol de Lukas Podolski, que se despediu da seleção. No jogo, Werner foi substituído por Thomas Muller.

O jovem, de 21 anos, destaque do RB Leipzig, atual vice-líder da Bundesliga, teve um problema muscular na coxa. A Federação Alemã de Futebol (DFB, na sigla em alemão) não anunciou a convocação de um substituto para o jogador na seleção ou quanto tempo o atacante ficará fora dos gramados.

Para o confronto com o Azerbaijão, válido pelas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2018, domingo, fora de casa, o técnico Joachim Löw deverá ter a volta de vários jogadores que não foram utilizados na partida amistosa contra os ingleses. Entre eles, o atacante Mario Gomes, que se recupera de uma pequena lesão.

A Alemanha é o líder disparado do Grupo C do qualificatório europeu para a Copa da Rússia, com 12 pontos ganhos (venceu os quatro jogos que disputou até agora). As seleções da Irlanda do Norte e do Azerbaijão, próximo adversário dos alemães, dividem o segundo lugar, com sete pontos cada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.