Ivan Storti/Santos
Ivan Storti/Santos

Atacante Raniel, do Santos, é internado em Goiânia com trombose na perna direita

Sem previsão para retorno, jogador é mais um desfalque para o técnico Cuca após a notícia da lesão de Carlos Sanchéz

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de outubro de 2020 | 15h09

O Santos comunicou no início da tarde deste sábado que o atacante Raniel foi internado no hospital Clínica do Esporte, em Goiânia, após apresentar quadro de trombose venosa profunda na perna direita. Assim, o jogador vira desfalque da equipe do técnico Cuca. Não há uma previsão de retorno.

O clube informou que Raniel será transferido para o hospital Sírio Libânes, em São Paulo, "assim que possível". O jogador está com a delegação em Goiânia, onde o time alvinegro enfrenta o Goiás no domingo, às 18h15, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Vale ressaltar que Raniel foi um dos atletas do elenco que contraiu a covid-19 no início do mês passado. Estudos recentes relacionam a formação de trombos em pessoas infectadas pelo coronavírus. Outro agravante pode ser o excesso de viagens nas últimas semanas, já que o elenco tem encarado uma maratona desgastante de partidas fora de casa, com jogos no Equador e Paraguai.

O trombo é um coágulo, que pode ser parcial ou total, e se forma nos vasos sanguíneos, veias ou artérias, limitando o fluxo normal do sangue. Quando isso ocorre, é diagnosticada a trombose, que pode se manifestar de diferentes formas.

É a segunda baixa de Cuca em dois dias. Antes, na sexta, o treinador já havia sido comunicado da lesão de Carlos Sánchez. O uruguaio rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e terá de passar por cirurgia. A previsão é de que só retorne aos gramados em 2021.

Contratado para esta temporada, Raniel disputou 14 partidas com a camisa do Santos, anotou dois gols e deu uma assistência. Ele vinha tendo oportunidades com Cuca, mas ainda não conseguiu deslanchar. O treinador tem como opções para a posição Kaio Jorge, que tem sido titular, e Marcos Leonardo, recém-promovido das categorias de base.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.