Atacantes e meias disputam título de melhor jovem

Os atacantes Lucas Podolski, da Alemanha, Cristiano Ronaldo, de Portugal, e Lionel Messi, da Argentina, e os meias Tranquilo Barnetta, da Suíça, Luis Valencia, do Equador, e Cesc Fabregas, da Espanha, foram anunciados nesta quinta-feira pela Fifa como finalistas do prêmio de melhor jogador jovem da Copa do Mundo.O prêmio, criado nesta Copa, é disputado por 40 jogadores nascidos depois de 1.º de janeiro de 1985. Os critérios para a escolha, segundo a Fifa, são "estilo, carisma, fair play e fome de bola, além de habilidade". O vencedor será anunciado nesta sexta-feira.Messi, Cristiano Ronaldo e Valencia foram escolhidos em votação aberta para o público no site oficial da Copa, enquanto Barnetta, Fabregas e Podolski foram escolhidos pelo Grupo de Estudos Técnicos da Fifa, formado por 14 integrantes, e o mesmo que definirá o vencedor.Tanto o Brasil como os finalistas Itália e França ficaram de fora da indicação pelo fato de não terem nenhum jogador que se enquadre na idade. Os mais jovens de cada um são, respectivamente, o atacante Robinho, nascido em 25/1/1984, o volante De Rossi, de 24/7/1983, e o meia Ribéry, de 7/4/1983.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.