Ataque preocupa Guarani contra Paulista

Lutando contra o fraco desempenho ofensivo, o pior do Campeonato Paulista até agora, o Guarani vai enfrentar o Paulista nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas.O Guarani perdeu para o Mogi Mirim na última rodada, por 1 a 0, e ocupa a 13ª posição, com apenas nove pontos. Já o Paulista, que vem de empate com o Corinthians, está numa situação bem mais confortável, com 14 pontos, na 5ª colocação.Preocupado com a falta de gols, o técnico Jair Picerni volta a mudar o ataque do Guarani. Até agora, o time só marcou sete gols, com a fraca média de 0,87 por jogo. Entram Cidimar e Evandro Roncatto nas vagas de Catatau e Nilson Sergipano. "Quem não marca gol não vence", justificou.Outra mudança importante é no esquema tático. A contusão do zagueiro Juninho, com lesão na panturilha direita, forçou o técnico a abandonar o 3-5-2 com a entrada do meia Heverton. Na lateral-direita continua Mariano, apesar da recuperação de Alemão, antigo titular."Não tem isso de titular ou reserva. Todos jogadores compõem o elenco e estamos buscando a melhor formação", explicou Picerni.No lado do Paulista, o técnico Vágner Mancini poderá contar com o retorno do volante Amaral, voltando de suspensão. Mas ele ainda espera pelo lateral-esquerdo Fábio Vidal, que se recupera de contusão. A dúvida de Vágner Mancini é quem vai sair para a entrada de Amaral: Fábio Gomes ou Cristian. Se Fábio Vidal passar no teste médico na tarde desta quarta-feira, ele retorna, com Julinho jogando no meio. Com isso, Fábio Gomes e Cristian deixariam o time.

Agencia Estado,

22 de fevereiro de 2005 | 15h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.