Hassan Ammar/AP
Hassan Ammar/AP

Athletic Bilbao busca virada contra Atlético de Madrid e vai à final da Supercopa

A decisão será contra o Real Madrid, que superou o Barcelona na outra semifinal

Redação, Estadão Conteúdo

13 de janeiro de 2022 | 18h24

O Athletic de Bilbao derrotou o Atlético de Madrid de virada, por 2 a 1, nesta quinta-feira, e garantiu lugar na final da Supercopa da Espanha. O triunfo no estádio King Fahd International, em Riad, na Arábia Saudita, mantém o time de Marcelino García Toral vivo em busca do bicampeonato do torneio. A decisão será contra o Real Madrid, que superou o Barcelona na outra semifinal.

Atual campeão da Supercopa da Espanha, o Athletic Bilbao vai buscar o bicampeonato diante do Real Madrid. A final acontecerá no próximo domingo, dia 16, mais uma vez no estádio King Fahd International.

Tanto o Atlético de Madrid quanto o Athletic Bilbao fazem campanhas de muita oscilação no Campeonato Espanhol e buscam a recuperação na segunda metade da temporada. O time do país basco está na Supercopa após ter sido vice-campeão das duas últimas edições da Copa do Rei, enquanto o clube da capital é o atual campeão espanhol.

O primeiro tempo da semifinal foi de muita marcação, como costumam ser os jogos do time de Diego Simeone, e não houve muitas chances de gol. As emoções da partida ficaram mais fortes no segundo tempo, quando as defesas cederam mais espaços.

O gol do Atlético de Madrid saiu aos 17 minutos do segundo tempo e foi contra. Lemar fez a cobrança de escanteio na área, João Félix cabeceou no cantinho, sem muita força, e a bola pegou na trave antes de bater nas costas do goleiro Unai Simón e entrar para o gol. O Athletic Bilbao respondeu na jogada seguinte, também com um cabeceio em lance de bola parada, mas Oblak fez uma grande defesa.

Depois do gol marcado por João Félix, a partida ficou mais aberta e o Athletic Bilbao começou a ir para cima em busca do empate, que saiu aos 32 minutos. O time basco mandou cobrança de escanteio na área e o zagueiro Yeray subiu mais que todo mundo para cabecear e empatar novamente o jogo.

A virada quase saiu com Nico Williams logo depois, mas Oblak conseguiu mais uma grande defesa. A jogada resultou em escanteio e, após mais uma cobrança na área, o mesmo Nico Williams apareceu para chutar firme no canto e virar o jogo, já aos 35 minutos. Nos acréscimos, Giménez, do time de Madrid, ainda foi expulso com vermelho direto.

Após a final da Supercopa, os dois times voltarão suas atenções para outro torneio eliminatório, a Copa do Rei. O Atlético de Madrid terá pela frente a Real Sociedad, enquanto o Bilbao enfrentará o Barcelona.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.