Fabio Wosniak/ CAP
Fabio Wosniak/ CAP

Athletico-PR anuncia contratação de Marcinho, ex-Botafogo, acusado de duplo homicídio

Lateral-direito responde por atropelamento de casal no fim de 2020 no Recreio Bandeirantes

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de março de 2021 | 14h25

O Athletico-PR anunciou neste domingo a contratação do lateral-direito Marcinho, ex-Botafogo. O jogador de 24 anos tem problemas na justiça, e a possível condenação gerou contestações e críticas da torcida atleticana sobre sua chegada.

O lateral foi denunciado por duplo homicídio culposo - quando não há intenção de matar - após atropelar, em dezembro de 2020, um casal de professores na região do Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio. Ele fugiu do local sem prestar socorro. Alexandre Silva de Lima, de 44 anos, morreu no local, enquanto Maria Cristina José Soares, de 66, foi levada ao hospital em estado grave, mas morreu seis dias depois.

O casal havia saído para lançar flores ao mar e ao atravessar a avenida Lúcio Costa, na altura do número 17.170, foi atropelado por um Mini Cooper, conduzido pelo jogador, que, no momento, não foi identificado.

Em depoimento prestado à Polícia Civil no início do mês de janeiro, Marcinho admitiu o atropelamento, alegando estar a 60 km/h e que ficou com medo de linchamento e, por isso, não prestou assistência. O jogador abandonou o veículo em região próxima ao local do acidente e disse não ter consumido bebida alcoólica. A pena para homicídio culposo é de dois a quatro anos de prisão, e pode ser ampliada em um terço se não for prestado socorro à vítima.

Em sua chegada ao Athletico-PR, o lateral-direito agradeceu a oportunidade de atual em clube grande e planeja ajudar a equipe a alcançar boas posições no Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana.

"O Athletico era tudo que eu queria. Um clube com projeto, com ambição, que quer continuar conquistando grandes coisas, figurando no mais alto nível do cenário nacional e internacional. É também um grande clube e estou muito feliz e realizado de estar aqui. Quero corresponder às expectativas", afirmou Marcinho ao site oficial do clube.

O jogador iniciou no Flamengo sua trajetória no futebol. Depois, se transferiu para o Botafogo. Na equipe alvinegra assumiu a posição de lateral-direito, tendo disputado 105 jogos e marcado dois gols. Antes do acidente, Marcinho teve a possibilidade de renovar seu contrato com a equipe alvinegra que vencia no fim de 2020. Ele, porém, decidiu buscar espaço em algum clube que fosse mais forte na briga por títulos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.