Mauricio Mano / Atlético Paranaense
Mauricio Mano / Atlético Paranaense

Athletico-PR anuncia intenção de comprar vacinas para sócios e funcionários

Clube paranaense pretende se unir a grupo formado por empresas privadas que buscam a aquisição de imunizantes contra a covid-19

Redação, O Estado de S.Paulo

08 de abril de 2021 | 20h55

O Athletico-PR anunciou nesta quinta-feira que pretende se unir a grupo empresarial que tenta viabilizar a aquisição de vacinas contra a covid-19. Nesta semana, a Câmara dos Deputados aprovou texto-base que autoriza a compra de imunizantes por parte da iniciativa privada.

A proposta, que ainda será avaliada pelo Senado Federal, prevê que empresas que comprem doses da vacina contra o novo coronavírus possam doá-las integralmente ao Sistema Único de Saúde (SUS) ou utilizá-las para vacinar seus funcionários, associados, estagiários, autônomos ou prestadores de serviços de maneira gratuita, desde que doe a mesma quantidade de doses ao SUS. Caso seja aprovada no Congresso, a medida seguirá para sanção presidencial.

O clube paranaense diz que o intuito de se unir ao grupo de empresários é auxiliar a vacinação em massa da população brasileira e afirmou que pretende vacinar funcionários, atletas, comissão técnica e também sócios que tenham honrado seus pagamentos em dia, mesmo com a crise econômica imposta pela pandemia e diante impossibilidade de comparecimento aos jogos da equipe da Arena da Baixada.

Buscando atrair novas entidades esportivas para o grupo, o Athletico-PR reforçou seu convite para que clubes e instituições ligadas ao futebol contribuam com o movimento. A iniciativa, no entanto, não agradou parte da torcida nas redes sociais. Alguns torcedores afirmam que a ideia é vergonhosa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.