Hedeson Alves/ AP
Hedeson Alves/ AP

Athletico-PR bate a LDU de virada e está na semifinal da Sul-Americana

Vitória por 4 a 2 leva equipe paranaense à próxima fase, em que enfrentará o Peñarol

Redação, Estadão Conteúdo

19 de agosto de 2021 | 21h32

O torcedor do Athletico-PR sofreu até o último minuto, mas pôde comemorar a classificação para a semifinal da Copa Sul-Americana. A vaga veio na noite desta quinta-feira, com a vitória sobre a LDU, do Equador, por 4 a 2, na Arena da Baixada, em Curitiba-PR.

O time rubro-negro conseguiu reverter a vantagem obtida pela LDU com a vitória na partida de ida, por 1 a 0, no Equador. O adversário na semifinal será o tradicional Peñarol, do Uruguai, que passou pelo Sporting Cristal, do Peru.

Como era esperado diante da necessidade de vitória, o Athletico-PR começou em cima, mas foi surpreendido logo aos dez minutos. No contra-ataque, Perlaza cruzou e Amarilla cabeceou no canto de Santos para aumentar a vantagem da LDU. A pressão rubro-negra, porém, era grande.

Aos 25, Christian passou pela marcação e chutou forte sem chances para Gabbarini. Quatro minutos depois, o volante recebeu lançamento de Nikão e mostrou categoria para finalizar por cima do goleiro. O Athletico-PR precisava de mais um gol para se classificar.

No entanto, no final do primeiro tempo, veio um balde de água fria. Jojhan Julio recebeu passe de Alcívar, aproveitou falha de Marcinho e finalizou para empatar.

Não restou outra alternativa ao Athletico-PR adotar uma postura ainda mais agressiva no segundo tempo. E o resultado veio aos 16 minutos. Terans cabeceou, Gabbarini espalmou e Bisolli não desperdiçou no rebote. O quarto gol não iria demorar para sair.

Scotto puxou Richard dentro da área e o árbitro assinalou pênalti após consultar o VAR. Bisolli cobrou no meio e fez o gol que ia garantindo a classificação ao Athletico-PR. O desespero então trocou de lado e a LDU se lançou toda para o ataque, mas não conseguiu ameaçar o gol de Santos.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR 4 X 2 LDU

ATHLETICO-PR - Santos; Marcinho, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner Vinícius; Richard (Erick), Christian (Léo Cittadini), Nikão, Terans (Zé Ivaldo) e Vitinho (Fernando Canesin); Bissoli (Renato Kayzer). Técnico: António Oliveira.

LDU - Gabbarini; Perlaza (Mina), Guerra, Luis Caicedo e Cruz; Piovi, Alcívar (Kaprof), Scotto (Reasco), Zunino (Ordóñez) e Jhojan Julio; Amarilla. Técnico: Pablo Marini.

GOLS - Amarilla, aos dez, Christian, 25 e aos 29, e Jojhan Julio, aos 42 minutos do primeiro tempo; Bisolli, aos 16 e aos 24 minutos do segundo tempo

ÁRBITRO - Eber Aquino (PAR)

CARTÕES AMARELOS - Bisolli e Erick (Athletico-PR); Cruz, Luis Caicedo e Scotto (LDU)

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.