Athletico
Athletico

Athletico-PR bate Red Bull Bragantino em prévia da final da Sul-Americana

Equipe paranaense respira no Campeonato Brasileiro e dá as cartas antes da decisão do torneio continental

Redação, Estadão Conteúdo

07 de novembro de 2021 | 18h50

Em uma prévia da grande final da Copa Sul-Americana, que vai acontecer dia 20, em Montevidéu, no Uruguai, o Red Bull Bragantino perdeu para o Athletico-PR por 2 a 0, neste domingo à tarde, no estádio Nabi Abi Chedid, em confronto válido pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Esta vitória foi importante para o time paranaense, que não vencia há seis jogos e estava na parte debaixo da tabela. O time paulista continua com 49 pontos, mas com um jogo a mais do que seus concorrentes. Esta foi também sua segunda derrota consecutiva, porque vinha de derrota para o Cuiabá por 1 a 0.

O primeiro tempo começou com intensidade e muita movimentação dos dois lados. Após aquele início de pressão, o ritmo caiu. Mas o Bragantino teve maior volume, tomou mais as iniciativas de jogo, porém, sem conseguir as infiltrações na defesa do Athletico.

Sem conseguir entrar na área do visitante, os paulistas arriscaram chutes de longe. Ytalo, Helinho e Cuello tentaram, mas o goleiro Santos esteve atento e não vacilou em nenhuma defesa. O Athletico só teve uma chance, em chute de Bissoli defendido por Cleiton.

O segundo tempo começou novamente intenso. Só que desta vez, o Athletico se deu melhor e abriu o placar, num lance atípico. O lateral Marcinho cobrou falta pelo lado esquerdo e o goleiro Cleiton saiu afoito do gol, tentou socar e mandou a bola contra sua própria rede. Placar aberto aos 14 minutos.

Depois disso, o técnico Maurício Barbieri tentou deixar o Red Bull Bragantino mais agressivo, mas o time continuava sem conseguir chegar na área do visitante. Em contra-ataque, o Athletico fechou o placar aos 45 minutos. Nikão deixou Pedro Rocha sozinho para tirar o goleiro Cleiton do lance e fazer 2 a 0.

Na próxima quarta-feira, o Red Bull Bragantino vai enfrentar o Santos, às 19 horas na Vila Belmiro pela 31ª rodada. O Athletico vai receber o Ceará na Arena da Baixada, a partir das 18h30.

Mas, com certeza, os times estão de olho na final da Sul-Americana. O Red Bull Bragantino vai atrás do título inédito, enquanto o Athletico-PR está buscando o bi, após o título de 2018.

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 0 X 2 ATHLETICO-PR

RED BULL BRAGANTINO - Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Natan e Edimaro; Jadsom Silva, Eric Ramires e Helinho (Pedrinho); Artur, Ytalo (Hurtado) e Cuello. Técnico: Maurício Barbieri.

ATHLETICO-PR - Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Marcinho, Erick, Léo Cittadini (Pedro rocha), Christian (Fernando Canesin) e Abner; Nikão e Bissoli (Vinícius Mingotti). Técnico: Alberto Valentim.

GOLS - Marcinho aos 14 e Pedro Rocha aos 45 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Anderson Daronco (RS)

CARTÕES AMARELOS - Eric Ramires e Natan (RB Bragantino). Zé Ivaldo, Bisssoli e Léo Cittadini (Athletico)

RENDA - R$ 71.340,00.

PÚBLICO - 1.701 pagantes.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.