Miguel Locatelli / Site Oficial
Miguel Locatelli / Site Oficial

Athletico-PR recebe Tolima e pode encaminhar classificação na Libertadores

Equipe rubro-negra goleou Jorge Wilstermann e Boca Juniors nos dois jogos que fez na Arena da Baixada no torneio

Redação, Estadão Conteúdo

09 de abril de 2019 | 10h50

O Athletico-PR tem uma boa oportunidade de encaminhar a sua classificação às oitavas de final da Copa Libertadores nesta terça-feira, quando recebe o Tolima, a partir das 19h15, pela quarta rodada do Grupo G. O palco é a Arena da Baixada, onde o time já fez duas vítimas na competição.

Atuando em casa nesta Libertadores, o Athletico-PR não vem dando chances para seus adversários: venceu o Jorge Wilstermann (4 a 0) e Boca Juniors (3 a 0). Os seis pontos conquistados colocam o time na liderança da chave.

A única derrota até agora foi na estreia, justamente para o Tolima, por 1 a 0, na Colômbia. O adversário é o terceiro colocado, com os mesmos quatro pontos do vice-líder Boca Juniors, que receberá o lanterna Jorge Wilstermann, na quarta-feira.

O técnico Tiago Nunes comandou o último treinamento antes do jogo contra o Tolima nesta segunda-feira e tudo indica que vai ter a mesma formação que venceu o Boca Juniors, na última rodada. Nenhum jogador considerado titular está suspenso ou contundido.

A principal missão de Tiago Nunes depois do jogo diante do Boca Juniors foi manter os pés dos jogadores no chão. O lateral-esquerdo Renan Lodi adotou esse discurso, apesar de mostrar otimismo com o futuro do Athletico-PR. "Nós trabalhamos sempre para sermos campeões e fazermos uma excelente temporada. Tivemos uma ótima vitória contra o Boca Juniors, que repercutiu muito, mas não podemos acomodar. Vivemos isso no ano passado e precisamos estar sempre com os pés no chão, trabalhando forte, para as coisas continuarem acontecendo naturalmente", disse o jovem, que completou 21 anos nesta segunda-feira.

Na quarta-feira, o Athletico faz a final do segundo turno do Campeonato Paranaense contra o Coritiba, também na Arena da Baixada. Nos últimos anos, o time disputa o Estadual com um time B. Até mesmo o treinador é diferente. Ao invés de Tiago Nunes, quem fica no banco de reservas é Rafael Guanaes.

Diferente do Athletico-PR, o Tolima não vai ter todos os jogadores considerados titulares à disposição. Autor do gol contra o time paranaense, o lateral-esquerdo Banguero foi vetado pelo departamento médico. Balanta será o substituto. Além disso, o técnico Alberto Gamero deve colocar Robles no lugar de Gordillo no meio-campo.

Invicto há cinco jogos - três vitórias e dois empates -, o Tolima está na terceira colocação do Campeonato Colombiano, com 24 pontos, seis a menos que o líder Millonarios. Em 14 rodadas, o time tem sete vitórias, três empates e quatro derrotas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.