Atlético de Madri ainda é um time em construção, diz Simeone

A vitória de 2 x 1 do Atlético de Madri no Campeonato Espanhol contra o Real Madrid poderia fazer a equipe "colchonera" acreditar que está totalmente ajustada, mas a verdade é que o time ainda passa por uma reconstrução após negociar vários jogadores na pré-temporada, disse nesta segunda-feira o técnico Diego Simeone.

REUTERS

15 Setembro 2014 | 16h49

O Atlético conquistou na temporada passada o título espanhol pela primeira vez em 18 anos e foi vice-campeão europeu, sendo derrotado pelo Real Madrid, mas depois perdeu o artilheiro Diego Costa, o lateral Filipe Luis e o zagueiro Thibaut Courtois, que foram para o Chelsea.

O Atlético, por outro lado, contratou o atacante croata Mario Mandzukic, o meia francês Antoine Griezmann e o ponta italiano Alessio Cerci, e Simeone disse que a integração dos novos reforços está em andamento.

"Continuamos em construção com a chegada dos novos", disse Simeone em entrevista coletiva em Atenas, onde o Atlético enfrentará o Olympiakos, campeão grego, na terça-feira, pela fase de grupos da Liga dos Campeões.

"Tentamos tornar o grupo coeso sem mudar o estilo", acrescentou o argentino, que tem conseguido brigar por todos os títulos com sua equipe depois que assumiu o comando no fim de 2011.

Atlético e Olympiakos só se enfrentaram uma vez em uma competição europeia, quando o time espanhol venceu por 4 x 2 nas quartas de final da Liga dos Campeões de 1992-1993.

Os gregos caíram nas oitavas de final do ano passado, sendo eliminados pelo Manchester United.

(Por Iain Rogers)

Mais conteúdo sobre:
FUT ESPANHOL ATLETICO SIMEONE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.