Pau Barrena / AFP
Pau Barrena / AFP

Atlético de Madrid tropeça no lanterna do Campeonato Espanhol

Empate fora de casa coloca em risco a permanência da equipe entre os quatro primeiros

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de março de 2020 | 14h57

O Atlético de Madrid continua fazendo uma campanha errática no Campeonato Espanhol. Neste domingo, o time comandado por Diego Simeone tinha a obrigação de vencer o Espanyol, lanterna da competição, mesmo jogando fora de casa, mas apenas empatou por 1 a 1. Embora não tenha perdido nenhuma posição na classificação, a equipe da capital do país deu um presente a seus concorrentes na briga por uma vaga na Liga dos Campeões da Europa.

No momento, o Atlético é o quarto colocado, ou seja, está dentro da zona de classificação para a maior competição de clubes do mundo, mas se encontra apenas um ponto à frente da Real Sociedad e dois à frente do Getafe. E essas duas equipes têm uma partida a mais para disputar do que o Atlético, o sexto colocado em pontos perdidos. O Espanyol compartilha a lanterna com o Leganés, ambos com 20 pontos.

As coisas foram complicadas no primeiro tempo para o Atlético, que saiu atrás no placar com um gol contra do zagueiro Savic. Sem querer, ele mandou para a rede um cruzamento de Wu Lei. Os donos da casa ainda tiveram uma boa oportunidade para ampliar a vantagem, o que só não ocorreu por causa da intervenção do goleiro Oblak.

Para alívio da torcida do Atlético, o empate chegou logo com um minuto do segundo tempo. Saúl, da entrada da área, pegou um rebote de sem-pulo e marcou um golaço. Esperava-se, então, que os visitantes partissem para o ataque em busca da virada, mas não foi o que ocorreu. É justo dizer que o time de Barcelona esteve mais perto do gol da vitória do que o Atlético.

O tropeço atleticano foi ótimo para o Sevilla, terceiro colocado, que abriu dois pontos de vantagem (46 a 44) para o concorrente com a vitória por 3 a 2 sobre o Osasuna, em Sevilha. E foi um triunfo cheio de drama. En-Nesyri e Ocampos marcaram para os donos da casa no primeiro tempo, mas Aridane e Torres igualaram o placar na segunda etapa. Foi só nos acréscimos que o Sevilla, com mais um tento de En-Nesyri, conseguiu vencer a partida.

Em Bilbao, o Athletic derrotou o Villarreal por 1 a 0, com  gol de pênalti de Raúl García, e assumiu a décima colocação do Espanhol, com 34 pontos. São quatro unidades a menos do que o adversário, que está na oitava colocação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.