Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Atlético defende liderança contra Paraná

O Atlético Paranaense entra em campo neste domingo, às 16 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba, para defender a invencibilidade de 17 partidas e manter-se na ponta do Campeonato Brasileiro. Mas terá do outro lado o Paraná, um time que tem o interesse urgente de sair da zona de rebaixamento e não perde há três rodadas. Um clássico regional que deverá levar grande torcida. Para manter a expectativa e dar mais motivos para comentários a respeito da partida, os dois treinadores decidiram-se por criar mistério em torno das escalações das equipes, inclusive com treinos secretos.No Atlético, a dúvida está no substituto do zagueiro Marcão, que foi expulso na última partida. O técnico Levir Culpi pode continuar com três zagueiros no time, entrando Igor, ou colocar Bruno Lança e jogar com apenas dois defensores, reforçando o meio-de-campo com um jogador mais marcador. "Vamos estudar a parte tática para depois definir", disse Levir.Fernandinho, que vinha atuando como ala, também poderá ser deslocado para o meio, com a entrada de Pingo. Segundo Levir, o que o grupo precisa é ter sempre um pensamento positivo, voltado para a vitória. "Temos que focar os esforços em cima dos três próximos pontos", acentuou.No Paraná, o técnico Paulo Campos não definiu se haverá um reforço no meio-de-campo ou se entrará com dois atacantes. Por isso, o volante Messias e o meia-atacante Marcel estão de sobreaviso. "Primeiro quero analisar o adversário", justificou Campos. Na lateral-direita, Etto e João Paulo estão machucados. Se nenhum se recuperar, o volante Goiano pode ser improvisado.Ele não deixou de ressaltar a força do Atlético. "Nós respeitamos muito, mas não temos temor." Otimista por natureza, o técnico também tenta passar isso para seus jogadores. "Com confiança podemos fazer uma grande partida", motivou. Para o zagueiro Fernando Lombardi, o favoritismo está todo com o Atlético. "Mas vamos com humildade para beliscar os pontos", disse.

Agencia Estado,

16 de outubro de 2004 | 16h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.