Atlético e Cruzeiro lutam pela ponta no Mineiro

Na última rodada da fase de classificação do Campeonato Mineiro, Atlético e Cruzeiro entram em campo nesta quarta-feira e brigam para terminar na 1.ª colocação da etapa preliminar da competição. Na rodada passada, o time alvinegro ultrapassou o maior rival e assumiu a ponta da tabela, com 23 pontos, um a mais que o time celeste.

EDUARDO KATTAH, Agencia Estado

25 de março de 2009 | 07h55

Enquanto o Cruzeiro enfrenta, no Mineirão, o Democrata (Governador Valadares), 4.º colocado com 16 pontos, o Atlético tem compromisso fora de casa: vai ao Pontal do Triângulo Mineiro e encara o Ituiutaba, que soma 20 pontos, na 3.ª posição. Os oito primeiros colocados garantem vaga nas quartas-de-final do Estadual. Todos os jogos da rodada serão às 21h50.

No compromisso contra o Ituiutaba, o técnico atleticano, Emerson Leão, não terá seu principal jogador na temporada. O atacante Diego Tardelli, artilheiro do Mineiro, com 12 gols, recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão automática. Leão não anunciou o substituto de Tardelli. Na zaga, Marcos volta ao time titular no lugar de Welton Felipe, também suspenso.

O treinador alertou para as dificuldades que o time enfrentará no Pontal do Triângulo Mineiro, lembrando que o adversário costuma fazer "prevalecer o mando de jogo". "Agora, a nossa necessidade é assegurar o 1.º lugar. O objetivo é único: alcançar a vitória", destacou.

Pelo lado cruzeirense, o técnico Adilson Batista também tem desfalques: não contará com o goleiro Fábio, suspenso, além do meia Wagner e do atacante Thiago Ribeiro, ambos lesionados. O treinador voltou a relacionar o lateral-esquerdo Sorín e o zagueiro Leonardo Silva, ausentes do jogo contra o Rio Branco no último domingo.

Na Toca da Raposa, a ordem é fazer o dever de casa. "Independente do resultado lá (em Ituiutaba), nós temos que fazer a nossa parte", ressaltou o goleiro Andrey, que substituirá Fábio.

Em Nova Lima, o confronto entre Villa Nova e Social, no estádio Castor Cifuentes, define o segundo time rebaixado. As duas equipes somam seis pontos, mas o Villa Nova leva vantagem no saldo de gols e se mantém na elite do futebol mineiro com um empate. O Guarani, de Divinópolis, que soma apenas dois pontos, já caiu para o Módulo II.

Outros três jogos completam a rodada nesta quarta: Tupi x Uberlândia, em Juiz de Fora, que define a oitava e última vaga nas quartas-de-final; América x Uberaba, no Independência, em Belo Horizonte; e Guarani x Rio Branco, em Divinópolis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.