Atlético-GO e Santa Cruz empatam e ficam mais longe do G4 da Série B

Um empate que não foi bom para ninguém. Isso explica o que foi a partida entre Atlético-GO e Santa Cruz, que terminou sem gols na tarde deste sábado, no estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO), pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Ambas as equipes ficaram ainda mais longe do G4.

Estadão Conteúdo

24 de outubro de 2015 | 20h17

Com o resultado, o Santa Cruz até ganhou a posição do Paysandu, que perdeu para o Sampaio Corrêa, por 2 a 0, mas viu a diferença para o Bahia, quarto colocado, aumentar para cinco pontos, ficando assim com 49 na tabela. O Atlético-GO, por sua vez, já não corre mais risco de rebaixamento. Porém, o sonho de terminar no G4 ficou praticamente impossível. Apesar de estar há dez jogos sem perder, tem apenas 43 pontos.

O primeiro tempo foi movimentado, principalmente pelos lados de campo, e com boas chances de gol. Mesmo longe de seu torcedor, o clube pernambucano tomou as principais iniciativas. Logo aos dez minutos, Anderson Aquino recebeu dentro da área, mas mandou por cima do gol. Pelo lado dos goianos, Viçosa teve as melhores oportunidades. Quando não se enrolou todo com a bola, furou um chute sem goleiro.

O time goiano voltou melhor para a segunda etapa e poderia ter feito o primeiro com um pouco mais de sorte. Anderson Leite recebeu na frente de Tiago Cardoso, mas cabeceou para fora. O clube goiano envolveu o Santa Cruz, que sentia muita dificuldade de sair da marcação. Luisinho bem que tentou em duas oportunidades, mas acabou desperdiçando-as.

Na próxima rodada, o Santa Cruz enfrenta o Criciúma na terça-feira, às 21h30, no Estádio do Arruda, em Recife (PE). O Atlético-GO recebe o Bragantino na sexta-feira, às 21 horas, no Serra Dourada, em Goiânia (GO).

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-GO 0 X 0 SANTA CRUZ

ATLÉTICOGO - Márcio; Éder Sciola (Bruno Moura), Marcus Winícius, Samuel e Eron; Pedro Bambu, Anderson Leite, Jorginho (Giancarlo) e Willie; Júnior Viçosa (Juninho) e Arthur. Técnico: Gilberto Pereira.

SANTA CRUZ - Tiago Cardoso; Vítor, Alemão, Danny Morais e Marlon; Wellington Cezar, João Paulo, Daniel Costa (Raniel) e Lelê (Bruninho); Luisinho e Anderson Aquino (Bruno Moraes). Técnico: Marcelo Martelotte.

ÁRBITRO - Daniel Nobre Bins (RS).

CARTÕES AMARELOS - Eron (Atlético-GO).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BAtlético-GOSanta Cruz

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.