Divulgação/Atlético-GO
Divulgação/Atlético-GO

Atlético-GO empata com Botafogo-SP na estreia de Barroca e amplia jejum

Equipe de Goiás chega ao quinto jogo seguido sem vitória e pode ser ultrapassado no G-4 ainda nesta rodada

Redação, Estadão Conteúdo

17 de outubro de 2019 | 22h54

Na estreia do técnico Eduardo Barroca, o Atlético-GO chegou ao quinto jogo seguido sem vitória no Campeonato Brasileiro da Série B ao empatar sem gols com o Botafogo-SP, no Estádio Santa Cruz, nesta quinta-feira, pela 30ª rodada.

Esse foi o quarto empate seguido do time goiano, que está na terceira colocação, mas pode ser ultrapassado pelo Coritiba no complemento da rodada. Já o Botafogo-SP perdeu a chance de alcançar o G4 e é o sexto colocado, com 44.

O primeiro tempo foi todo dominado pelo Botafogo, que criou pelo menos três boas oportunidades. Logo de cara, Higor Meritão acertou o travessão da meta de Maurício Kozlinski. Depois foi a vez de Marlon Freitas assustar em chute por cima. Aos 43 minutos, Murilo Henrique cobrou falta e acertou a rede pelo lado de fora.

Apesar de Eduardo Barroca não ter feito nenhuma alteração, o Atlético-GO voltou mais ligado do intervalo e quase abriu o placar aos seis minutos em chute colocado de Nicolas. Darley espalmou para escanteio. O Botafogo queria a vitória para entrar no G4 e partiu para cima.

Murilo Henrique mandou nas mãos de Maurício Kozlinski e Felipe Saraiva assustou com chute rente à trave. No último lance do jogo, o goleiro do Atlético-GO rebateu e Nadson não conseguiu aproveitar o rebote.

O Botafogo-SP volta a campo na próxima quinta-feira, contra o CRB, às 19h15, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, enquanto o Atlético-GO recebe o América-MG no dia seguinte, também às 19h15, no Antônio Accioly. Os jogos serão válidos pela 31ª rodada.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO-SP 0 X 0 ATLÉTICO-GO

BOTAFOGO-SP - Darley; Lucas, Didi, Luiz Otávio e Pará; Pablo, Higor Meritão (Felipe Saraiva), Marlon Freitas e Murilo Henrique (Nadson); Dodô (Júlio César) e Bruno Moraes. Técnico: Hemerson Maria.

ATLÉTICO-GO - Maurício Kozlinski; Jonathan, Oliveira, Gilvan e Nicolas; Nathan, André Castro e Moacir (Matheus); Reginaldo (Pedro Bambu), Pedro Raul e Aylon (André Luis). Técnico: Eduardo Barroca.

ÁRBITRO - Antonio Dib Moraes de Sousa (PI).

CARTÃO AMARELO - Gilvan (Atlético-GO).

RENDA - R$ 35.925,00.

PÚBLICO - 4.375 pagantes.

LOCAL - Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.