Atlético-GO muda para enfrentar o xará mineiro em casa

O Atlético Goianiense recebe o líder Atlético Mineiro, nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 17.ª rodada do Campeonato Brasileiro, para deixar a lanterna da competição. Com 11 pontos, mesmo após empates fora de casa contra Corinthians e Santos, o time goiano voltou à lanterna no último final de semana após quatro rodadas.

RUBENS SANTOS, Agência Estado

15 de agosto de 2012 | 07h42

Para enfrentar o primeiro colocado do Brasileirão, o Atlético já começa em desvantagem. O lateral-esquerdo Eron, mais os atacantes Wesley e Ricardo Bueno, por força de contrato com o Atlético Mineiro, não poderão atuar. Nos seus lugares entram Gabriel e Ernandes, no meio, respectivamente, e Rayllan substituirá Ricardo Bueno.

Outra mudança será no ataque, onde Felipe formará dupla com Patric. O Atlético estará, ainda, desfalcado do lateral-direito Marcos. Ele será substituído por Diogo Campos, como vem ocorrendo desde a última rodada, no empate com o Santos por 2 a 2, em São Paulo.

Além das baixas, o clube rubro-negro está sob pressão pela real ameaça de rebaixamento. "Estamos sob pressão e ela vai aumentar", admitiu o técnico Jairo Araújo, ainda interino. "A pressão será maior no segundo turno porque o time não poderá fracassar, não poderá ser rebaixado", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoAtlético-GO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.