Atlético-GO não se ilude com os reservas do Palmeiras

Apenas um ponto à frente da zona do rebaixamento, o Atlético-GO espera vencer o Palmeiras neste domingo, às 17 horas, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, para encaminhar sua permanência na Série A do Campeonato Brasileiro.

RUBENS SANTOS, Agência Estado

14 de novembro de 2010 | 08h18

A expectativa é de estádio cheio neste domingo para empurrar o time rubro-negro. E o clima de otimismo já contagiou o elenco. "Eu disse e vou repetir: o Atlético-GO não cai", desafiou o volante Robston.

O técnico René Simões, porém, não se ilude e prevê dificuldades mesmo com a possibilidade de o Palmeiras colocar em campo um time reserva para preservar os titulares para a Copa Sul-Americana, em que chegou às semifinais. "Não ficamos animados com isso. O Palmeiras é o Palmeiras e com o Felipão não se brinca."

O comandante tem dúvida na armação do time. Elias, artilheiro do time no Brasileiro, com 11 gols, está sem ritmo de jogo e pode ficar no banco de reservas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.