Atlético-GO quebra jejum e Paysandu sofre terceira derrota seguida

Goianos fazem 2 a 1 em paraenses que podem deixar o G-4

Estadão Conteúdo

03 de outubro de 2015 | 18h49

O Atlético Goianiense quebrou o jejum em casa de três jogos ao vencer o Paysandu por 2 a 1, neste sábado, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 29.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Esta foi a segunda vitória seguida do time goiano, que antes tinha batido o Paraná, em Curitiba, e já aparece com 38 pontos, em 12.º lugar. Do outro lado, esta foi a terceira derrota seguida do clube paraense, que continua com 47 pontos, em quatro lugar, ainda no G4, a zona de acesso.

Antes deste jogo, o Paysandu vinha de derrotas para Náutico e Vitória. O seu objetivo era a reabilitação, mas ela não aconteceu. Contou com a derrota do Bahia para o Vitória, no clássico Ba-Vi, que o manteve entre os primeiros colocados.

O jogo teve dois tempos distintos. O primeiro foi do time da casa, que fez um gol com Jorginho, aos 26 minutos, após a tentativa da defesa em fazer a linha de impedimento. Junior Viçosa avançou pelo lado esquerdo da área e cruzou para o desvio de Jorginho. O Atlético ainda teve outras chances, mas parou nas boas defesas do goleiro Emerson.

No segundo tempo, com o volante Augusto Recife machucado, o técnico Dado Cavalcanti colocou o atacante Misael. O time paraense melhorou e chegou ao empate aos 28 minutos, em uma penalidade máxima cometida por Marcus Winícius, que interceptou a bola com o braço esquerdo dentro da área. A cobrança de Yago Pikachu foi perfeita, à meia altura, do lado esquerdo onde o goleiro Márcio saltou, mas não alcançou.

Neste momento em diante, o Paysandu era melhor em campo, mas quem fez o segundo gol foi o time da casa. Após falta levantada na linha de área pelo lado direito, por Caíque, no meio dos zagueiros, apareceu Juninho para desviar de cabeça, aos 41 minutos.

Nesta terça-feira acontece a 30.ª rodada, com 8 jogos. O Atlético vai sair diante do ABC, em Natal, às 20h30, enquanto que o Paysandu vai receber o Bahia, no estádio Mangueirão, em Belém, em um confronto direto pelo G4, a partir das 21h30.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 2 x 1 PAYSANDU

ATLÉTICO-GO - Márcio; Éder Sciola, Marcus Winícius, Samuel e Danilo Tarracha; Feijão (Caíque), Pedro Bambu, Jorginho (Washington) e Willie (Juninho); Arthur e Júnior Viçosa. Técnico: Gilberto Pereira.

PAYSANDU - Emerson; Yago Pikachu, Fernando Lombardi, Thiago Martins e João Lucas (Luis Felipe); Fahel, Augusto Recife (Misael), Jhonnatan e Roni; Léo Melo (Djalma) e Aylon. Técnico: Dado Cavalcanti.

GOLS - Jorginho, aos 26 minutos do primeiro tempo; Yago Pikachu (pênalti), aos 28, e Juninho, aos 41 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Marcus Winícius, Samuel e Feijão (Atlético-GO); Jhonnatan, Fahel, Thiago Martins e Fernando Lombardi (Paysandu).

ÁRBITRO - Wagner Reway (MT).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BAtlético-GOPaysandu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.