Atlético goleia o Santos no Mineirão

O Santos foi até o Mineirão enfrentar o Atlético-MG, neste domingo, e passou vergonha. Tomou de 3 a 0, mostrou-se apático em campo e o resultado derrubou o time no Brasileirão: está agora em 5º lugar, com 44 pontos. E o técnico Gallo segue ameaçado no cargo. O Atlético, por sua vez, chegou aos 28 pontos e já começa a pensar em sair da zona do rebaixamento.Por jogar em casa, diante de sua fanática torcida, o Atlético-MG tomou a iniciativa do jogo e foi para cima do Santos. O ala George Lucas, aos 4 e aos 7, tentou duas vezes, mas em ambas seu chute saiu errado. O Santos respondeu aos 14 minutos, com Geílson. Ele invadiu a área, ganhou de Cáceres na velocidade e chutou forte, mas Bruno espalmou para escanteio.Aos poucos o Galo foi aumentando seu domínio em campo. Com uma boa marcação no meio, o time não deixava o Santos criar suas jogadas, anulava Ricardinho e, quando roubava a bola, partia em velocidade nos contra-ataques.Aos 27, em um cruzamento da direita, Catanha cabeceou e Zé Leandro afastou o perigo para escanteio. Mas dois minutos depois, em jogada do outro lado, não teve jeito. Marques cruzou na medida e Catanha fez de cabeça.A vantagem no marcador deixou o Peixe atordoado. Aos 33, Catanha recebeu de Marques, sozinho, mas tentou driblar Luís Alberto e acabou perdendo a bola. Pouco depois foi a vez de Rubens Cardoso, sozinho, chutar para fora.O Santos até que tentou o empate, numa jogada em que Basílio colocou a bola na cabeça de Geílson. Mas o atacante da Vila Belmiro acabou errando a mira. E aos 43 veio o segundo gol do Galo. Uéslei recebeu de Catanha, entrou na área e chutou forte, sem chance para o goleiro Saulo.Na segunda etapa, o Santos teve uma única grande chance. Aos 12, Frontini entrou na área pela direita, driblando, e tocou para Diego na pequena área, mas Cáceres salvou. A resposta do Galo veio aos 22. Rubens Cardoso recebeu em velocidade pela direita e tocou na saída do goleiro, fechando o placar.No final do jogo, enquanto a torcida do Atlético gritava ?olé?, o juiz paralisou a partida por causa de um buraco de 30 centímetros de profundidade. Ele pediu ajuda e um funcionário do estádio, que trouxe um balde de areia.Na próxima rodada, o Atlético pega o Corinthians em São Paulo. O Santos terá o clássico contra o Palmeiras na Vila.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.