Bruno Cantini/Divulgação
Bruno Cantini/Divulgação

Atlético-MG apresenta seus dois primeiros reforços

Em troca, clube mineiro empresta Carlos César para contratar o lateral-esquerdo Pedro Botelho

Agência Estado

22 de janeiro de 2014 | 20h17

BELO HORIZONTE - O Atlético Mineiro apresentou nesta quarta-feira os seus dois primeiros reforços para a temporada em que vai buscar o bicampeonato da Copa Libertadores. Falaram com a imprensa pela primeira vez com a camisa alvinegra o lateral-esquerdo Pedro Botelho, que estava no Atlético Paranaense, e o volante Claudinei, que veio do América-MG.

Sem nenhum lateral-esquerdo de ofício no elenco, o Atlético-MG foi buscar Pedro Botelho e, para tê-lo por empréstimo até o fim do ano, repassou, em troca, o lateral-direito Carlos César ao xará do Paraná.

"Quase o contratamos no ano passado, mas os valores foram inviáveis e, agora, surgiu a possibilidade de trazê-lo. Quando acertamos, ele teve uma lesão no fim do ano e vem parecido com o Luan, precisando de 25 a 30 dias de recuperação. Entendemos que, numa temporada de 70 jogos, ele vai ficar fora de três ou quatro, então, já contratamos sabendo disso", explicou o diretor de futebol Eduardo Maluf.

Formado no Figueirense, o lateral foi aos 18 anos para o Arsenal. Mas ele nunca jogou pelo clube inglês, sendo emprestado para Salamanca, Celta, Cartagena, Rayo Vallecano e Levante. Em 2012 voltou ao Brasil para defender o Atlético-PR e agora chega a Belo Horizonte aos 24 anos.

"Tive a oportunidade de sair do Brasil muito jovem, fiquei três meses no Arsenal e, depois, passei por vários clubes da Espanha. Tudo que sei é graças ao futebol espanhol. Lá, trabalhei com grandes profissionais e isso foi muito bom pra mim", ressaltou o lateral.

Já Claudinei, que já atuou no Democrata de Sete Lagoas, no Boa e no América-MG, celebra a chance de chegar à Cidade do Galo. "Jogar contra o Atlético era sempre complicado e, agora, tendo a oportunidade de jogar com um grupo como o do Atlético, é muito bom. Fiquei muito feliz e espero mostrar meu potencial. Sei que tem jogadores excelentes na minha posição, os currículos mostram isso, e, para mim, será um aprendizado. Espero aprender com eles e, também, mostrar meu futebol", disse o volante.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético-MGCampeonato Mineiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.