Atlético-MG arma lista de dispensa

A despedida melancólica da Copa dos Campeões, em três jogos na competição foram duas derrotas e um empate, fez Geninho exigir reforços à diretoria atleticana. O treinador mostrou insatisfação, tanto com a defesa como também com o meio-campo da equipe. Por isso, o técnico já pediu a contratação de, no mínimo, um zagueiro, pois a defesa atleticana sofreu oito gols em três jogos. O técnico do time mineiro também confirmou que pedirá a contratação de um meia-atacante, já que o setor apresentou problemas na ligação com o ataque nos jogos realizados no Nordeste. Segundo especulações da imprensa mineira, o meia Adriano, que ainda não renovou com o Atlético-PR, poderá ser o grande reforço do Atlético-MG para o Campeonato Brasileiro. Porém, a diretoria atleticana não confirma. Já volante Djair, que vem enfrentando vários problemas musculares nos últimos meses, não deverá continuar na equipe no segundo semestre. Além de ter um salário alto para o atual padrão do clube, a diretoria estaria insatisfeita com as seguidas contusões e o baixo rendimento técnico apresentado pelo jogador. Outras dispensas poderão acontecer no elenco atleticano, como a do zagueiro uruguaio Gutierrez e a do lateral-esquerdo Rubéns Júnior. O técnico Geninho terá quase um mês para preparar a equipe para a disputa do Campeonato Brasileiro, já que o Atlético só estreará no dia 11 de agosto, contra o Corinthians, no Mineirão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.