Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Atlético-MG atropela Ferroviário e encaminha vaga para oitavas da Copa do Brasil

Mineiros ficam perto da classificação com vitória por 4 a 0 no Independência

Estadão Conteúdo

04 de abril de 2018 | 21h50

Mesmo poupando alguns titulares para a decisão do Campeonato Mineiro, neste domingo, contra o rival Cruzeiro, o Atlético Mineiro não teve dificuldades para bater o Ferroviário por 4 a 0, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela partida de ida da quarta fase da Copa do Brasil, e praticamente carimbar a vaga para as oitavas de final.

+ Grêmio goleia Monagas em casa e fatura 1ª vitória na Libertadores

Com o resultado, a equipe mineira pode até perder por três gols de diferença na partida de volta, no próximo dia 18, na Arena Castelão, em Fortaleza. Como na Copa do Brasil não há mais a regra do gol qualificado, o time cearense só leva a decisão para os pênaltis se vencer por qualquer placar com quatro gols de diferença.

O Atlético Mineiro já tratou de encaminhar a vitória logo no primeiro minuto de jogo. Na primeira descida ao ataque, Samuel Xavier cruzou da direita e Ricardo Oliveira apareceu livre para desviar de cabeça e abrir o placar.

Abalado pelo gol, o time visitante se viu envolvido pela posse de bola atleticana e não demorou para que sofresse o segundo gol. Aos 28 minutos, Otero arriscou de longe e o goleiro Léo não conseguiu defender.

O time mineiro seguiu superior e ampliou ainda na primeira etapa, aos 39 minutos. Otero tabelou com Gustavo Blanco na entrada da área, recebeu cara a cara com o goleiro e teve frieza para tocar na saída e balançar as redes novamente.

Na volta do intervalo, o técnico interino Thiago Larghi sacou Otero e Ricardo Oliveira, preservando os autores dos gols para a decisão do Estadual. Mas as entradas de Erik e Róger Guedes não diminuíram o ritmo da equipe. Logo aos quatro minutos, a dupla que saiu do banco de reservas já deu resultado. Róger Guedes fez jogada pela esquerda e Erik pegou a sobra para marcar o quarto gol.

Com a larga vantagem, o Atlético Mineiro apenas administrou a vitória durante o final da partida e tocou a bola no campo de ataque, ainda levando perigo ao gol de Léo, mas sem conseguir ampliar ainda mais a goleada. Agora é buscar o título mineiro. Como venceu em casa por 3 a 1, pode perder por um gol de diferença no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. Se perder por dois gols de diferença, o Cruzeiro será campeão por ter melhor campanha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.