Atlético-MG bobeia e só empata com Uberaba por 2 a 2

Num jogo de dois tempos distintos, o Atlético apenas empatou com o Uberaba por 2 a 2, neste sábado, no estádio Uberabão, em Uberaba, pela quarta rodada do Campeonato Mineiro. O resultado deixou o time na quinta posição, com seis pontos. Já a equipe do Triângulo Mineiro é sétimo colocado, com cinco.

IVANA MOREIRA, Agencia Estado

13 de fevereiro de 2010 | 21h54

No primeiro tempo, foram de Obina as melhores oportunidades de gol. Aos 24 minutos, ele foi premiado com um belo gol. Recebeu na área e girou sobre o marcador para abrir o placar. Foi o primeiro gol do atacante pela equipe atleticana.

O ataque do time de Belo Horizonte até tentou aproveitar o entusiasmo do gol, mas foi prejudicado sempre pela lentidão de seu meio de campo, principalmente Ricardinho que insistia nos passes laterais. Mas de tanto jogar bolas na área, o Atlético foi premiado e marcou de novo, aos 38 minutos, quando Muriqui aproveitou cruzamento da direita.

Depois disso, até o intervalo, o momento de maior destaque ficou por conta da joelhada do paraguaio Cáceres no atacante do Uberaba. O lance rendeu ao zagueiro, que voltava ao Atlético, o segundo cartão amarelo e a consequente expulsão do jogo.

Na segunda etapa, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo não demonstrou o mesmo ânimo e apenas observou o Uberaba jogar. Parecia tão fácil que o time da casa também ficou com 10 jogadores em campo quando Fabiano recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. O Atlético ainda foi beneficiado por um erro do árbitro André Luiz, que não marcou o pênalti claro de Zé Luiz no atacante Dinei.

Ainda assim, a equipe do Triângulo Mineiro mudou o panorama da partida. Num lance de escanteio, aos 23 minutos, André Nascimento subiu mais que toda a defesa atleticana e diminuiu de cabeça. Aos 39, o Uberaba empatou. Thiago Marinho faz belíssima jogada em cima de Jairo Campos e Douglas, que acabara de entrar, chutou forte para fazer 2 a 2.

A última chance de marcar ainda foi do Uberaba, numa bola alçada, com todos os jogadores na área atleticana, mas Carini fez uma grande defesa em chute de Thiago Marinho. Por pouco não aconteceu a virada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético-MGUberaba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.