Atlético-MG com duas novidades no Rio

Com vários desfalques e duas novidades, o Atlético-MG enfrenta o Vasco, amanhã, às 20h30, no estádio São Januário, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Galo busca reabilitar-se na competição após a derrota em casa para o Palmeiras, no último domingo. Com problemas de suspensões e contusões, o técnico Jair Picerni decidiu promover as entradas do lateral-esquerdo Léo de Deus, 27 anos, e do atacante Marcelinho, 20 anos. "São oportunidades que eles têm de saber aproveitar com responsabilidade. Acredito que onde há problemas, nós temos de encontrar soluções e esses garotos vão dar uma resposta legal", afirmou o treinador, demonstrando confiança no futebol dos substitutos. Léo de Deus - que é irmão de Dedê, ex-jogador do clube mineiro, atualmente no Borussia Dortmund, da Alemanha - ocupará a vaga deixada pelo titular Rubens Cardoso, e por seu reserva imediato, Marquinhos, ambos lesionados. Picerni também não poderá contar com o volante Zé Luís, o meia Juninho e o atacante Alex Mineiro, todos suspensos. Marcelinho formará dupla de ataque com Márcio Santos. No meio-campo, entram Emerson e Walker. Por outro lado, o meia-atacante Rodrigo Fabri se recuperou de uma contusão no púbis e volta ao time após ficar afastado por mais de 20 dias. A derrota por 2 a 1 para o Palmeiras, no Mineirão, interrompeu um processo de reação do Galo no campeonato e, segundo seu treinador, obriga o time mineiro a recuperar os pontos fora de casa. "Com os jogadores que temos em mãos e a aplicação que vão colocar em jogo acredito que poderemos sair com um bom resultado", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.