Atlético-MG conquista a 1ª vitória

O Atlético-MG venceu de virada o Paraná Clube, por 2 a 1, nesta sexta-feira à noite, no estádio Independência, em Belo Horizonte, conquistandou a primeira vitória do ano, em seis partidas disputadas. O resultado também melhorou um pouco a situação do Alvinegro na Copa Sul-Minas, na qual somava apenas dois pontos, em dois empates e duas derrotas. Já o Paraná, mesmo derrotado, manteve-se bem posicionado na tabela, com 9 pontos. No primeiro tempo, enquanto o Atlético errava muitos passes, os paranaenses souberam explorar bem os contragolpes, sempre em velocidade, e abriram o placar aos 11 minutos. O lateral Hilton cruzou da esquerda e encontrou o atacante Márcio na área, que cabeceou bem, sem chance para Velloso. O time do técnico Paulo Bonamigo continuou superior e teve boas oportunidades de ampliar, como aos 20, com Hilton. A partir dos 30 minutos, o Atlético melhorou um pouco de produção e passou a criar mais lances ofensivos. Aos 41, Gilberto Silva perdeu gol feito, aproveitando sobra na área e batendo cruzado. A bola passou raspando a trave do goleiro Marcos. Mesmo assim, o time saiu de campo, para o intervalo, sob vaias da pequena torcida que compareceu ao Independência na véspera do Carnaval. No início da segunda etapa, os atleticanos tentaram pressionar o adversário e logo aos 4 minutos o lateral Baiano chutou a bola na trave. O Paraná continuou apostando nos contragolpes e esteve perto do segundo gol, aos 9, em jogada de Luciano. Mas o time de Minas é que marcou: aos 11 minutos, depois de falta batida com força por Rodrigo, Marcos não segurou firme e Wellington Amorim aproveitou bem o rebote, empatando a partida. Os mineiros por pouco não viraram aos 22, em batida de Baiano. O Paraná também teve chances, mas a equipe de Levir Culpi, que buscava reabilitação depois da derrota por 2 a 1 para o Juventude-MT, no meio da semana, pela Copa do Brasil, partiu para o jogo franco e chegou à vitória. Aos 41, Guilherme marcou e selou o placar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.