Bruno Cantini/ Atlético
Bruno Cantini/ Atlético

Atlético-MG demite Roger Machado após derrota para o Bahia

Ainda vivo na Copa do Brasil e na Libertadores, treinador não resiste aos resultados ruins em casa

O Estado de S.Paulo

20 de julho de 2017 | 14h34

A diretoria do Atlético Mineiro anunciou na tarde desta quinta-feira a demissão do técnico Roger Machado. A decisão foi tomada após a derrota da equipe para o Bahia, por 2 a 0, no Independência, em Belo Horizonte, em jogo válido pela 15ª rodada do Brasileirão. Os dirigentes do clube alvinegro já haviam revelado, logo depois da partida, que se pronunciariam uma entrevista coletiva nesta quinta.

Mais um insucesso no palco onde anteriormente o Atlético era tido como quase imbatível - e deu origem à expressão "caiu no Horto, tá morto" - revoltou a torcida atleticana. Os jogadores foram vaiados e o time chamado de "sem vergonha" por parte dos 12 mil torcedores que compareceram ao estádio.

Roger Machado comandou o Atlético Mineiro em 43 jogos (23 vitórias, 9 empates, 11 derrotas e 60,46% de aproveitamento). Ele chegou ao clube no fim da temporada passada, após a demissão de Marcelo Oliveira, depois de fazer um bom trabalho no Grêmio e com a expectativa de trazer ideias novas para a equipe.

No entanto, o time não emplacou nesta edição do Brasileirão. o Atlético-MG venceu apenas dois dos oito jogos como mandante (foram quatro derrotas). Por outro lado, Roger Machado conduziu o time ao título do Campeonato Mineiro e obteve a melhor campanha entre os times que disputaram a fase de grupos da Copa Libertadores (nas oitavas de final. No torneio sul-americano, a equipe foi derrotada pelo Jorge Wilstermann por 1 a 0 no jogo de ida desta fase).

Os comandados por Roger Machado também continuam na luta pelo título da Copa do Brasil. A equipe venceu a primeira partida das quartas de final contra o Botafogo, em Belo Horizonte. O duelo da volta será na próxima quarta-feira, às 19h30, no Engenhão.

O próximo compromisso do time mineiro pelo Brasileirão será no domingo, às 19 horas, diante do Vasco, novamente no Independência. O Atlético-MG somou apenas 20 pontos na competição até aqui e ocupa posição intermediária na tabela.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.