Bruno Cantini/Divulgação
Bruno Cantini/Divulgação

Atlético-MG derrota Inter e pressiona o líder Corinthians

Pratto e Marcos Rocha marcaram os gols do alvinegro

LEONARDO AUGUSTO, ESPECIAL PARA O Estado de S. Paulo

14 de outubro de 2015 | 21h53

O Atlético Mineiro voltou afiado depois dos nove dias de paralisação no Campeonato Brasileiro por causa dos jogos da seleção brasileira pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. A equipe mineira derrotou o Internacional por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, no Independência, pela 30ª rodada.

Os gols foram marcados por Lucas Pratto e Marcos Rocha para o time da casa. Paulão fez para o Inter. Com o resultado, o Atlético foi a 59 pontos, pressionando o líder Corinthians, que tem 61 e enfrenta o combalido Goiás nesta quinta-feira, no Itaquerão, em São Paulo. Já o time gaúcho permanece com 44, agora mais afastado do G4.

O Atlético começou a partida dando muito trabalho para a zaga do Internacional. Em cerca de cinco minutos, o zagueiro Réver, ex-Atlético, desarmou pelo menos duas boas jogadas do ex-clube. Mas houve também falhas dos próprios jogadores do Atlético na pressão inicial do time pelo gol. Aos 5 minutos, Luan jogou para a área e Thiago Ribeiro errou o chute para a meta de Muriel.

Contudo, aos 15, houve a recompensa. Marcos Rocha cruzou e Rodrigo Dourado tentou cortar, mas a bola bateu na mão do jogador colorado dentro da área. Pênalti com direito a cartão amarelo para Rodrigo Dourado. Lucas Pratto bateu e abriu o placar no Independência.

O Internacional não conseguia se impor em campo nem mesmo para tentar esfriar um pouco a partida. O time parecia assustado e errava muitos passes. Aos 31 minutos, nova chance para o time mandante. Lucas Pratto se livrou de Leo e rolou para Thiago Ribeiro, que errou novamente o chute.

Três minutos depois, Giovanni Augusto acertou a trave. O Internacional tentou o contra-ataque, mas Jemerson aliviou. Aos 38 minutos, mesmo acuado, o Internacional empatou a partida. Anderson cobrou escanteio da esquerda e Paulão marcou de cabeça.

O Atlético voltou para o segundo tempo sem o ritmo alucinante do primeiro, mas ainda sem dar moleza para a defesa do Internacional. Aos 12, Thiago Ribeiro pegou sobra na área e bateu para o gol, mas por cima de Muriel. Assim como na etapa inicial, porém, também cometia erros. Aos 13, Luan tentou do meio da rua e jogou longe do gol de Muriel.

Ainda assim, voltou a ficar à frente no placar. Aos 24, Marcos Rocha aproveitou rebote do goleiro do Inter e não perdoou: 2 a 1. Aos 38, Victor garantiu o placar. Vitinho cobrou falta e o goleiro atleticano fez excelente defesa, garantindo o triunfo dos mandantes.

No domingo, o Internacional vai ao Rio de Janeiro para enfrentar o Flamengo, no Maracanã. O vice-líder Atlético joga contra o Sport na Ilha do Retiro, em Recife, no domingo.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 2 x 1 INTERNACIONAL

ATLÉTICO-MG - Victor; Marcos Rocha, Edcarlos, Jemerson e Douglas Santos (Pedro Botelho); Leandro Donizete, Rafael Carioca, Giovanni Augusto (Cárdenas) e Luan; Thiago Ribeiro (Patric) e Lucas Pratto. Técnico: Levir Culpi.

INTERNACIONAL - Muriel; Leo, Paulão, Réver e Ernando; Rodrigo Dourado, Nilton, Anderson (Vitinho) e Alex (Rafael Moura); Valdívia (Alisson Farias) e Lisandro López. Técnico: Argel Fucks.

GOLS - Lucas Pratto, aos 15, e Paulão, aos 38 minutos do primeiro tempo. Marcos Rocha, aos 24 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Leandro Donizete, Rodrigo Dourado, Alex, Luan, Vitinho.

ÁRBITRO - André Luiz de Freitas Castro (GO).

RENDA - R$ 866.390,00.

PÚBLICO - 19.023 pagantes.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).


Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.