Atlético-MG descarta facilidade para duelo com time da zona de rebaixamento

O Atlético Mineiro não acredita que terá facilidade no seu próximo compromisso no Campeonato Brasileiro, domingo, diante do Goiás, no Serra Dourada, pela 17ª rodada, mesmo que o adversário esteja na zona de rebaixamento. Para o zagueiro Leonardo Silva, o momento complicado do oponente deve trazer até mais dificuldades ao líder do Brasileirão. Porém, o experiente jogador admite que o Atlético espera ter pela frente um rival nervoso, o que pode ajudar o time a conquistar a vitória, explorando seus erros.

Estadão Conteúdo

04 de agosto de 2015 | 16h17

"A pressão é grande, eles querem sair da situação ruim e isso acaba dificultando mais, arriscam mais porque, de certa maneira, não têm tanto a perder. Jogando em casa, eles vão procurar a vitória a todo instante, então, a gente tem que ter cautela e respeito pelo adversário, independente da circunstância que ele atravessa, para que a gente possa fazer um bom jogo, tentar aproveitar as oportunidades e os erros que eles venham a cometer para que a gente possa sair com a vitória. Vai ser um jogo dificílimo principalmente porque eles se encontram na zona de rebaixamento", comentou.

Com campanha consistente, o Atlético-MG lidera o torneio desde a 11ª rodada, mas não consegue abrir uma vantagem confortável para os demais concorrentes ao título. Leonardo Silva destacou o equilíbrio da competição. Por isso, garante que o time não se ilude com o atual cenário do Brasileirão.

"A gente tem que trabalhar jogo a jogo para aproveitar os resultados das rodadas e aumentar essa diferença. Ainda está bem apertado, não tem moleza, não dá para piscar porque, senão, os adversários encostam. Temos que procurar vencer para aumentar a diferença sobre o terceiro e o quarto colocados e manter a cabeça no lugar para que a gente possa ampliar cada vez mais, principalmente, a diferença em relação ao segundo colocado", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.