Atlético-MG faz partida decisiva na luta pelo título

Com uma partida decisiva para o futuro do time no Campeonato Brasileiro, o técnico do Atlético Mineiro, Cuca, mudou a estratégia que vinha adotando ao longo da competição. Pela primeira vez, o treinador resolveu manter em segredo a formação da equipe que entrará em campo no estádio Independência, em Belo Horizonte, às 18h30 deste domingo, para enfrentar o Grêmio, pela 26.ª rodada.

MARCELO PORTELA, Agência Estado

23 de setembro de 2012 | 08h53

O Atlético está em segundo na tabela de classificação do Brasileirão, com 51 pontos, e em caso de derrota será alcançado pelo Grêmio, que está em terceiro com 48. Os dois também têm o mesmo número de vitórias, mas a equipe mineira tem melhor saldo de gols e ainda possui a vantagem de ter um jogo a menos.

Mas para tentar evitar a aproximação do adversário, Cuca deve manter mistério até a hora do jogo sobre quem entrará nos lugares dos laterais Marcos Rocha (direito) e Júnior César (esquerdo), que terão que cumprir suspensão. O mais provável é que Richarlyson ou Triguinho ocupem uma das vagas e Serginho fique com a outra. Os três já foram acionados pelo técnico em outras ocasiões.

Além dos laterais, o atacante Jô, que se recupera de lesão na coxa direita, também é ausência certa e deve ser substituído por Leonardo ou Guilherme. "Não vou abrir a equipe", afirmou Cuca. Independentemente do time que entrar em campo, o ídolo Ronaldinho Gaúcho prevê um confronto acirrado. "Não tem nada decidido ainda. A disputa é grande, todos os times têm muita qualidade. A gente precisa muito do apoio do torcedor porque é um dos jogos mais difíceis do campeonato", avaliou.

E Ronaldinho Gaúcho comemorou o fato de que, além do Grêmio, o Atlético enfrentará o líder Fluminense também no Independência, em 20 de outubro, pela 32.ª rodada. "A gente fica feliz porque tem estes dois jogos dentro de casa. Jogar em casa, com apoio do torcedor, é importante. Se fosse o contrário seria mais complicado", salientou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoAtlético-MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.