Atlético-MG pode escalar 3 atacantes

O Atlético-MG ocupa a última colocação, do Grupo D, da Copa dos Campeões, com apenas um ponto, mas o clube ainda tem chances de classificação para a próxima fase da competição. Para isso, o técnico Geninho contará com todos os titulares no jogo de domingo contra o Palmeiras, com exceção do meia Leonardo, que cumprirá suspensão automática pela expulsão contra o Bahia, na última quarta-feira. Apesar disso, o técnico ainda não definiu se jogará com três atacantes ou com o esquema com três zagueiros que vem utilizando desde que assumiu o comando do Galo. A expectativa é de que o treinador coloque o atacante Renaldo, no lugar do zagueiro Erlon, para jogar ao lado de Guilherme e Marques, já que o time percisa vencer e marcar uma boa diferença de gols para se classificar. A derrota para o Bahia, por 3 a 1, deixou o Galo em situação complicada. Para se classificar, o Atlético precisa vencer o Palmeiras, no domingo, e torcer por um empate na partida entre Bahia e Vasco. Caso haja um vencedor nesse jogo, o time mineiro terá que vencer a equipe paulista por diferença de três gols. O meio-campo Leonardo, que foi expulso na derrota para o Bahia, será o único desfalque do Atlético para a partida contra o Palmeiras, já que os médicos do clube confiam na recuperação de Djair. O jogador ainda é dúvida para o jogo contra os paulistas, por causa de dores na coxa direita, e faz tratamento intensivo. O volante Hélcio, 32 anos, contratado junto ao Paraná Clube, deverá estrear com a camisa do Galo nesse fim-de-semana, substituindo Leonardo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.