Bruno Cantini/Atlético-MG
Bruno Cantini/Atlético-MG

Atlético-MG relaciona 4 titulares e só deve escalar um contra o San Lorenzo

Equipe mineira enfrenta o San Lorenzo nesta terça-feira, pela Copa Sul-Americana

Estadão Conteúdo

07 Maio 2018 | 20h18

Desgastado pela sequência de compromissos em diferentes competições, o Atlético Mineiro decidiu deixar a Copa Sul-Americana em segundo plano. Nesta segunda-feira, o técnico Thiago Larghi divulgou a lista de relacionados para o duelo com o San Lorenzo, terça, no Independência, pela primeira fase do torneio continental, e incluiu apenas quatro jogadores considerados titulares.

+ Em jogo eletrizante de quatro gols, São Paulo e Atlético-MG empatam no Morumbi

Larghi terá à disposição apenas o lateral-direito Patric, o zagueiro Leonardo Silva, o meio-campista Gustavo Blanco e o meia-atacante Otero. Mas, pelo time que testou durante o treinamento desta segunda-feira na Cidade do Galo, apenas o venezuelano começará jogando.

Na atividade, Larghi escalou a equipe com a seguinte formação: Cleiton, Samuel Xavier, Bremer, Maidana e Lucas Cândido; Yago e Elias; Otero, Tomás Andrade e Erik; Alerrandro. Assim, os outros três titulares ficarão como opção no banco de reservas do Atlético-MG.

Além dos titulares não relacionados, Larghi também não poderá contar com o volante Arouca, lesionado. E o volante Matheus Galdezani, o lateral-direito Emerson e o zagueiro Juninho, todos recém-contratados pelo clube, não foram inscritos na fase inicial da Sul-Americana.

Derrotado por 1 a 0 na Argentina, o Atlético-MG precisa de um triunfo por dois gols de diferença nesta terça para avançar de fase na Copa Sul-Americana. A diretoria revelou que 12.079 já garantiram presença na partida internacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.