Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Atlético-MG se reapresenta com clima leve e Victor paga aposta a Otero por golaço

Goleiro pagou R$ 100 por causa do gol do meio campo marcado pelo atacante diante do Coritiba

Estadão Conteúdo

22 Novembro 2017 | 15h30

O Atlético-MG viveu uma rara reapresentação descontraída neste Campeonato Brasileiro. Se a campanha decepciona, a boa vitória do último domingo, sobre o Coritiba, e o golaço marcado por Otero no Independência amenizaram o clima e deixaram a quarta-feira mais tranquila na Cidade do Galo.

+ Confira a classificação do Brasileiro da Série A

Prova disso foi a entrevista coletiva concedida pelo venezuelano. Quando comentava sobre o golaço do meio de campo marcado no fim de semana, Otero foi surpreendido pela presença de Victor, que fez questão de pagar os R$ 100 de uma aposta referente justamente ao chute acertado do meio de campo pelo meia.

"A gente fez uma aposta no treino e, depois, no jogo, ninguém esperava. Foi muito legal ele comemorando o gol no meio do campo, comigo, e me falando que estava me devendo R$ 100. Foi um momento muito feliz para mim", declarou Otero nesta quarta.

O venezuelano contou que tentava constantemente fazer um gol do meio de campo nos treinos do Atlético-MG. Victor, então, disse que só viu Ronaldinho Gaúcho acertar o gol de uma distância tão grande sem a bola quicar e completou dizendo que pagaria R$ 100 a Otero caso o meia alcançasse a façanha.

O chute do meio de campo dificilmente será esquecido pelo venezuelano, que não quer nem saber de gastar a quantia dada por Victor pela aposta. "Vou guardar como lembrança", afirmou.

Brincadeiras à parte, Otero afirmou que o golaço foi reflexo da maior confiança que está sentindo neste momento do Atlético-MG. "O jogador precisa disso, confiança, continuidade. Agora, estou aproveitando as vezes que entro em campo para ajudar meus companheiros. Para mim, isso é muito bom."

Nesta quarta, o Atlético-MG fez o primeiro treino visando o duelo diante do Corinthians, que acontecerá no domingo. A equipe precisa vencer o campeão brasileiro no Itaquerão se quiser manter viva a possibilidade de ir à Libertadores do ano que vem.

"A partida contra o Corinthians vai ser ainda mais difícil. O Corinthians já é o campeão, mas vai ser um jogo bastante difícil para nós porque precisamos dessa vaga para a Libertadores. Então, estamos nos preparando para fazer um grande jogo", projetou Otero.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.