Atlético-MG supera Tupi e fatura 1.ª vitória no estadual

O Atlético Mineiro conquistou sua primeira vitória no estadual ao superar o Tupi, no Mineirão, por 3 a 2, neste domingo, no Mineirão, pela segunda rodada. Foi também o primeiro triunfo do técnico Vanderlei Luxemburgo à frente do time em jogos oficiais.

CRISTIANO MARTINS, Agencia Estado

31 de janeiro de 2010 | 19h49

Com o resultado, o Atlético chegou aos quatro pontos e passa a ocupar a terceira colocação na tabela, atrás do América e do líder Uberaba. O Tupi permanece com três pontos e termina a rodada na sétima posição.

A partida deste domingo começou movimentada. Com apenas cinco minutos, cada equipe já havia criado uma boa chance para abrir o placar. Mas o equilíbrio não durou muito. A partir dos dez minutos, o time da casa passou a dominar amplamente as ações ofensivas, porém com muitas dificuldades para vencer a forte marcação dos visitantes.

O goleiro Eládio só voltou a ser incomodado aos 21 minutos, quando Diego Tardelli recebeu na área e bateu colocado no canto esquerdo. Com grande reflexo, o goleiro deu um tapa na bola, que ainda resvalou na trave.

O Tupi apostava nos contra-ataques até que, em um lance de bola parada, conseguiu abrir o placar. Depois de uma falha do lateral Coelho, o time visitante cobrou escanteio e achou o atacante Robson livre na pequena área. Ele desviou de cabeça e balançou a rede, esfriando o ímpeto dos anfitriões.

Após sofrer o gol, o time da casa seguiu tentando pressionar, apoiado na boa movimentação de seus atacantes. Aos 40 minutos, Evandro invadiu a área e foi derrubado por Assis. Sem paradinha, Tardelli bateu no canto direito e empatou a partida. Nos acréscimos, Muriqui ainda teve boa chance para virar, mas após dominar a bola no peito, chutou em cima do goleiro.

O Atlético voltou para o segundo tempo com a mesma proposta e não demorou para dar um novo susto na defesa do Tupi. Luxemburgo colocou em campo o jovem Renan Oliveira e o veterano Marques, nas vagas de Fabiano e Evandro. E o resultado veio logo em seguida, aos 18. Em cobrança de falta, Coelho bateu com categoria, no ângulo direito de Eládio, e virou o jogo, se redimindo da falha no primeiro tempo.

Aos 24, Carini deu rebote após chute de Robson e Ademilson apenas empurrou para o gol vazio, igualando novamente o placar. Mas o time visitante sequer teve tempo para comemorar. No minuto seguinte, Werley tabelou com Renan Oliveira na ponta direita e cruzou. Na segunda trave, Muriqui apareceu bem para desviar e decretar o placar final.

O próximo compromisso do Tupi será no sábado, em casa, contra a Caldense, que retornou esse ano à Primeira Divisão do estadual. Já o Atlético volta ao Mineirão no domingo que vem, diante do Ipatinga.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.