Atlético-MG tem boa chance de sair da zona da degola

Em uma situação complicada no Campeonato Brasileiro, o Atlético Mineiro terá alguns desfalques importantes para o jogo deste domingo contra o Bahia, às 18 horas, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG), pela 23.ª rodada. E, como enfrenta um concorrente direto, o time mineiro conseguirá sair da zona de rebaixamento se vencer.

ALINE RESKALLA, Agência Estado

11 de setembro de 2011 | 09h32

Os atacantes Guilherme, suspenso, e André, contundido, não jogam neste domingo. Assim, o técnico Cuca deve armar o ataque com Neto Berola e Magno Alves. Mas Jonatas Obina também está na briga. "Não tem nada certo, mas, se o professor Cuca precisar de mim, vou entrar e dar o máximo para ajudar a equipe", disse o jogador.

Outros desfalques do Atlético são o zagueiro Leonardo Silva e o volante Richarlyson, ambos suspensos. Para a zaga, a opção de Cuca deve ser Werley. E no lugar de Richarlyson, que vinha jogando na lateral esquerda, o escolhido será Triguinho. Assim, mesmo sem jogadores importantes, Cuca espera montar um time forte.

"Fico feliz por poder ter a oportunidade de atuar mais uma vez. É um jogo que vale seis pontos. Vamos procurar a vitória de qualquer maneira. Vencendo, saímos da zona de rebaixamento, que está nos incomodando há bastante tempo", afirmou o zagueiro Werley, feliz por ter nova oportunidade como titular do Atlético.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.