Atlético-MG vai ao Morumbi em busca da Sul-Americana

Depois de uma campanha sofrível em boa parte do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG pode encerrar sua participação na competição com um resultado que nem o mais otimista torcedor alvinegro esperaria há algumas semanas. Afinal, além de confirmar a permanência na série A depois de passar praticamente todo o returno com a guilhotina do rebaixamento no pescoço, o time mineiro ainda tem chance de encerrar o torneio classificado para a Copa Sul-Americana de 2011.

MARCELO PORTELA, Agência Estado

05 de dezembro de 2010 | 08h52

Mas a tarefa não é fácil. Para garantir a vaga, o Atlético-MG precisa derrotar o São Paulo na partida marcada para as 17h deste domingo, em pleno Morumbi, na capital paulista. E, apesar de o rival não ter mais pretensões no Brasileirão, o técnico atleticano, Dorival Júnior, ainda precisa armar o time com diversos desfalques.

Na defesa, apenas Jairo Campos e Cáceres estão disponíveis para as partidas. Os outros zagueiros do elenco, Lima, Werley e Réver, estão vetados. Os dois primeiros se recuperam de lesões e não foram nem relacionados para o jogo, enquanto o terceiro está suspenso.

Já o goleiro Renan Ribeiro foi relacionado e embarcou para São Paulo, apesar de ainda sentir dores na região lombar. Ele foi poupado dos treinos na semana, mas deve entrar como titular. Na partida contra o Goiás, no último domingo, o arqueiro também começou em campo, porém, foi substituído por Aranha no intervalo.

Por fim, o meia Daniel Carvalho também está fora da partida. Ele sofreu uma série de lesões na temporada e, na terça-feira se submeteu a uma cirurgia para corrigir problemas no ligamento do ombro. O atleta também não participará da pré-temporada de 2011.

Mas Dorival Júnior está confiante e, mesmo sem o risco de rebaixamento, considera a partida decisiva. "Temos que ter a consciência de que o jogo tem uma importância muito grande para nós. É um momento importante e que requer um esforço de todos nós para que possamos confirmar essa vaga (na Copa Sul-Americana), o que seria menos mal nesse momento. Em termos, pode apagar um pouco daquilo que deixamos a desejar", ressaltou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.