Atlético-MG vence e mantém esperança

O Atlético-MG venceu o Joinville, por 3 a 1, nesta quinta-feira à noite, no Mineirão, e se manteve na briga por uma das quatro vagas nas semifinais da Copa Sul-Minas. O time chega aos 18 pontos e precisa de pelo menos mais três vitórias nos quatro jogos restantes da primeira fase para chegar aos 27 - número que garantiria a classificação. A equipe catarinense continua com nove pontos e ameaçada de exclusão na próxima edição da Sul-Minas. No primeiro tempo, o Atlético, que vinha embalado por três vitórias seguidas - a última por 4 a 3 sobre o América-MG - partiu com tudo, deixando assustado o adversário, e abriu o placar aos 15 minutos. O atacante Marques invadiu a área pela direita e tocou no meio para o centroavante Guilherme, que empurrou para a rede. Guilherme também marcou o segundo, aos 27, aproveitando a rebatida na trave de um chute do ala Bosco. Aproveitando-se da falta de entrosamento da defesa atleticana, que atuou com três zagueiros e teve a estréia do uruguaio Gutiérrez, o Joinville diminuiu aos 42, em grande jogada do atacante Adão. Na segunda etapa, os catarinenses voltaram com mais disposição e tiveram boa chance logo a um minuto, em falta cobrada por Lico que passou perto do gol de Velloso. Mas o Atlético é que ampliou: aos 15, Rodrigo fez, após limpar bem o lance na área e chutar forte, de perna direita. O Alvinegro e o Joinville só se enfrentaram uma vez na história. Curiosamente, o jogo foi há exatos 18 anos, em 21 de março de 1974. E o placar, naquela partida, também no Mineirão, foi idêntico: 3 a 1 para o time de Belo Horizonte.

Agencia Estado,

21 Março 2002 | 22h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.