Twitter/Atlético-MG
Twitter/Atlético-MG

Atlético-MG vence Fluminense e fatura título da Taça BH

Alvinegro marcou 3 a 1, de virada, e conquistou o torneio de futebol de base pela sexta vez

Estadão Conteúdo

01 Agosto 2018 | 00h24

O Atlético Mineiro conquistou nesta terça-feira o título da Taça BH. Na decisão disputada no estádio Independência, em Belo Horizonte, o time superou o Fluminense por 3 a 1, e se tornou campeão pela sexta vez do tradicional torneio de futebol de base disputado em Minas Gerais.

+ Apesar de empate no fim, Thiago Larghi elogia atuação do Atlético-MG em Salvador

Embora tenha vencido a competição em outras cinco oportunidades, esta foi a primeira vez que o Atlético-MG foi campeão desde a mudança de categoria da Taça BH, que passou a ser sub-17, para juvenis, em 2015 - até 2014, a competição era sub-20, para juniores. Já o Fluminense amargou o seu terceiro vice-campeonato da competição.

A decisão entre os juvenis de Atlético-MG e Fluminense foi movimentada, cheia de chances de gol, e também emocionante, ainda mais que a equipe mineira precisou de uma virada para assegurar a sua vitória, pois o adversário começou melhor o duelo e abriu o placar logo aos 12 minutos, com Marcos Paulo, após passe de Wallace.

Só que a reação atleticana foi imediata, com Guilherme empatando o duelo aos 15 minutos, com pênalti convertido por Guilherme, que marcou após a arbitragem assinalar a falta porque o zagueiro Davi desviou a bola com o braço.

João Pedro quase recolocou o Fluminense em vantagem em duas oportunidades, após bicicleta defendida pelo goleiro Junior e em outra finalização que acertou o travessão. Mas foi o Atlético-MG quem acabou marcando, em contra-ataque, aos 34 minutos, quando Luiz Felipe pegou rebote de finalização de Thiago Ruan que acertou a trave, cruzando para Guilherme finalizar às redes.

Para piorar a situação do Fluminense, o zagueiro Luan foi expulso aos 15 minutos da etapa final, deixando a sua equipe com dez jogadores em campo. Depois, aos 36, Luiz Felipe cruzou para Mário completar às redes, fazendo 3 a 1. Já no fim do jogo, Guilherme, artilheiro da Taça BH com sete gols, foi expulso. Mas isso não diminuiu a festa atleticana, que já havia vencido o torneio em 1988, 1989, 2005, 2009 e 2011 e agora se tornou hexacampeão do campeonato.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.