Atlético-PR aposta na velocidade para partida em casa

O técnico do Atlético Paranaense, Antônio Lopes, pretende escalar um time mais veloz nesta quinta-feira, às 19h30, contra o Engenheiro Beltrão, na Arena da Baixada, em Curitiba. Para isso, ele optou pela entrada do meia Tartá no lugar do volante Valencia, que foi expulso na última partida.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

18 de fevereiro de 2010 | 08h17

Mas as maiores alterações acontecem no ataque, visto que Lopes não poderá contar nem com Marcelo nem com Bruno Mineiro, ambos lesionados. Em razão disso, o atacante colombiano Serna tem a primeira oportunidade de iniciar uma partida. Terá como companheiro Wallyson, que ano passado era o titular da equipe.

Com 14 pontos, o Atlético espera encerrar a fase classificatória na primeira colocação, o que garante dois pontos extras e a possibilidade de jogar as sete partidas da fase decisiva em seu estádio.

Para o Engenheiro Beltrão, a briga é para não ser rebaixado. Nas sete

partidas disputadas até agora, o time conseguiu apenas um ponto. Por isso, além da parte técnica e tática, o técnico Joel Costa tem procurado conversar bastante com os jogadores para que permaneçam motivados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.