Maurício Mano / Site Oficial Atlético Paranaense
Maurício Mano / Site Oficial Atlético Paranaense

Atlético-PR busca superar 'inexperiência para competir' contra o Vitória

Fabiano Soares terá voltas de Fabrício e Lucho González, mas não poderá contar com Nikão

Estadão Conteúdo

19 Outubro 2017 | 07h34

O Atlético Paranaense entra em campo nesta quinta-feira contra o Vitória, às 20 horas (de Brasília), no estádio Barradão, em Salvador, pela 29.ª rodada do Campeonato Brasileiro, com uma meta traçada pelo técnico Fabiano Soares: superar a "pouca experiência para competir".

+ Vitória admite incômodo com jejum e promete foco para voltar a triunfar em casa

Na avaliação do treinador, a equipe até fez bons jogos nas últimas partidas, mas venceu apenas um de seus últimos oito duelos, resultados que a fizeram se aproximar da zona de rebaixamento. Assim, para Fabiano Soares, o Atlético Paranaense precisa ter mais experiência para saber controlar o ritmo do jogo.

"Eu acho que está faltando um pouco experiência para competir. Às vezes, estamos ganhando e não estamos sabendo segurar o resultado", apontou o técnico, preocupado também com o adversário desta quinta-feira. "É uma equipe que tem subido de produção e está muito bem. É uma equipe que está diferente hoje em dia. E nós temos que ser o Atlético Paranaense".

A boa notícia é que o lateral-esquerdo Fabrício e o meia argentino Lucho González retornam após cumprir suspensão e estão confirmados entre os titulares. Já o meia Nikão, expulso na derrota para o São Paulo, no último sábado, é desfalque certo. "Temos o (Felipe) Gedoz, que é uma possibilidade. O Sidcley também é uma possibilidade. O Lucas [Fernandes] é outra possibilidade. Temos alternativas boas, de quantidade e qualidade, para substituí-lo", sinalizou o treinador.

Mais conteúdo sobre:
futebolAtlético Paranaense

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.