Miguel Locatelli / Site Oficial Atlético-PR
Miguel Locatelli / Site Oficial Atlético-PR

Atlético-PR minimiza jogo contra o líder e prega ânimo 'extra' na reta final

Sidcley, Guilherme estão fora da partida, enquanto Thiago Heleno e Felipe Gedoz são dúvidas

Estadao Conteudo

08 Novembro 2017 | 06h42

O duelo contra o Corinthians nesta quarta-feira, às 21 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 33.ª rodada do Campeonato Brasileiro, não será encarado pelo Atlético Paranaense como um confronto especial. Essa, ao menos, é a análise do técnico Fabiano Soares.

+ Corinthians enfrenta o Atlético-PR e o STJD nesta quarta-feira

Mais preocupado com a reta final da competição do que especificamente com o jogo diante do líder, o treinador garante que seu time precisará de ânimo "extra" se quiser subir na tabela de classificação. O Atlético Paranaense está na 11.ª colocação com 42 pontos, cinco atrás do Flamengo, que hoje garantiria vaga na Copa Libertadores.

"Para o treinador, todos os jogos são motivantes (e não apenas contra o Corinthians), pois se vive de resultados e tem que se preparar sempre da melhor forma possível", explicou Fabiano Soares. "Está claro que, se queremos ficar mais acima, temos que dar um extra neste último mês. Estamos cientes das dificuldades, mas temos time para superá-las".

A equipe, contudo, terá importantes desfalques para enfrentar o Corinthians. Sidcley está suspenso, enquanto que Guilherme pertence ao adversário e não pode atuar por razões contratuais. Recuperados de lesão, mas sem ritmo, Thiago Heleno e Felipe Gedoz surgem como dúvidas para iniciar o duelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.