Atlético-PR quer a revanche contra o Corinthians

A eliminação na Copa do Brasil para o Corinthians ainda está viva na memória dos torcedores do Atlético Paranaense e apesar dos jogadores negarem, uma vitória neste sábado, às 16h10, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pode, além de devolver a última derrota, recuperar o clube rubro-negro no Campeonato Brasileiro - é o lanterna com apenas cinco pontos e com a defesa mais vazada.

JÚLIO CÉSAR LIMA, Agencia Estado

27 de junho de 2009 | 08h40

O técnico Waldemar Lemos deve fazer duas alterações na equipe. Para ele, a entrada de Wesley na vaga de Marcinho, que cumpre suspensão, e o retorno do volante Chico na vaga de Rafael Miranda deve manter seu time com a mesma marcação e rapidez que tenta encontrar.

"A experiência do Marcinho é muito importante, principalmente em jogos assim, mas o que o Wesley tem feito nos treinos dá a confiança para jogar uma boa partida. Vamos manter a mesma velocidade que tivemos com o Marcinho", afirmou.

Segundo ele, mesmo jogando contra um time reserva do Corinthians, a partida será contra uma grande equipe. "Uma partida contra o Corinthians sempre é importante, principalmente com uma vitória", disse.

A outra alteração, no meio de campo, é o retorno de Chico. Ele atuará ao lado do colombiano Valencia, que não treinou na sexta-feira para ser poupado. O atleta sentiu dores no joelho direito durante a semana, mas está liberado pelo departamento médico do clube. No gol, Lemos vai manter o goleiro Vinícius, criticado pelas duas falhas nos gols do Palmeiras, no empate do último final de semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.