Atlético-PR tem reforço contra o Fla

O técnico do Atlético Paranaense, Riva de Carli, que prometia mistério na divulgação do time que enfrenta o Flamengo, nesta quarta-feira, às 21h45, no Estádio Albertão, em Teresina (PI), na primeira rodada da Copa dos Campeões, não tem mais dúvidas. Com a recuperação do zagueiro Rogério Corrêa, que realizou uma artroscopia no joelho, ele definiu os onze titulares com dois zagueiros, diferente do esquema 3-5-2, que prevaleceu no ano passado e na maioria dos jogos do primeiro semestre.Com essa opção, o volante Donizete Amorim terá oportunidade de iniciar a partida. Dos jogadores que estavam no primeiro semestre, apenas o zagueiro Nem rescindiu o contrato. No entanto, o técnico não poderá contar, pelo menos no início da competição, com os meias Adriano, que ainda não renovou contrato, e com Kléberson, que descansa depois da conquista do pentacampeonato e deve se apresentar somente para a terceira partida, dia 13, contra o Goiás.Alex Mineiro jogará mais recuado, no trabalho de armação das jogadas. "A pegada e o ritmo imposto no Campeonato Brasileiro do ano passado deverão ser os mesmos", garantiu Riva, que era preparador físico do time que conquistou o título de campeão. O meia Fabrício já trabalhou com o técnico do Flamengo, Lula Pereira, e reconhece que enfrentará um time com pegada forte. "Tem tudo para ser um grande jogo", previu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.