Atlético Sorocaba sobe para a série A1

O Atlético de Sorocaba é o mais novo integrante da elite do futebol paulista. O acesso ao Paulistão de 2004 foi garantido após o empate semgols com o Botafogo, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, neste sábado à tarde. Como tinha vencido o primeiro jogo por 2 a 1, o Atlético ficou com a vaga da repescagem. A outra vaga é do Oeste, de Itápolis, campeão da A2. Os dois que subiram vão participar pela primeira vez daPrimeira Divisão do Estado. O Botafogo, que só conseguiu uma vitória em 14 jogos, foi rebaixado para a Série A2, o que já tinha acontecido em 1993 e 1997.O primeiro tempo foi muito equilibrado. O Atlético Sorocaba armou boa marcação no meio-campo, dificultando as ações do Botafogo. E tinha uma boa opção de contra-ataque, além de contar no ataque com dois bons jogadores: o experiente Nilson e Ricardo Xavie r, artilheiro da competição com 12 gols. O próprio Ricardo Xavier criou a principal chance para abrir o placar aos 25 minutos, quando penetrou pelo lado direito da grande área, driblou dois zagueiros e tocou por cobertura. A bola tocou no travessão.O Botafogo melhorou bastante nos últimos 15 minutos, com o zagueiro Márcio Rocha salvando duas vezes quase em cima da linha. A primeira aos 30 minutos, num chute de Saulo. A segunda, aos 40 minutos, após chute de Pedrão.No segundo tempo, o Atlético acertou a marcação no setor defensivo, onde os três zagueiros estavam atuando em linha e facilitando as penetrações do adversário. Assim, quase que o Botafogo marcou com Pedrão, logo no primeiro minuto. Desequilibrado ele perdeu a chance. O time da casa ainda criou outras chances, mas sempre no desespero, enquanto o Atlético esperou as chances para os contra-ataques. Nos últimos minutos, houve o recuo natural do Atlético, que teve méritos em saber se defender para garantir o acesso.Ficha TécnicaBotafogo: Douglas; Valentim, Márcio Pereira, Carlão (Anderson) eLeandro (Eliel); Renê (Augusto), Alex, Zé Antonio e Nem; Saulo e Pedrão. Técnico: Varlei de Carvalho Atlético Sorocaba: Uanderson; Alemão, Márcio Rocha e André Alves; Adelmo, Dedé (Pereira), Fábio Garcia (Cris) e Budy; Ricardo Xavier e Nílson (Dinei).Técnico:João Martins Árbitro: Rodrigo Martins Cintra Cartão amarelo: Leandro, Alex, Nilson, Dedé, Fábio Garcia e Uanderson Local: Estádio Santa Cruz (Ribeirão Preto/SP)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.