Atlético vai mandar Alex Alves embora

O contrato do atacante Alex Alves com o Atlético-MG, que terminaria no final do ano, será rescindido. O anúncio foi feito hoje pelo presidente do clube mineiro, Ricardo Annes Guimarães, durante entrevista coletiva. Na semana passada, Alex Alves foi suspenso por cinco dias pela diretoria alvinegra, que se sentiu "ofendida" por declarações dadas pelo jogador a emissoras de televisão de Minas Gerais. A suspensão terminou hoje, mas Guimarães foi taxativo: "Vamos fazer a rescisão do contrato do Alex Alves", disse o dirigente, salientando que espera que a ruptura contratual seja "consensual, de comum acordo entre as duas partes". Em entrevista às emissoras de TV, o atacante fez duras críticas à diretoria do Galo, classificando-a de "imatura" e sugeriu que o presidente teria sido o responsável pelo vazamento à imprensa de uma lista de dispensa, na qual constava o seu nome. Alex Alves reclamou ainda que o clube mineiro teria lhe pago uma pendência financeira com um cheque que foi posteriormente sustado. Guimarães evitou rebater as declarações, mas cobrou respeito à instituição e à direção do clube. O dirigente deixou a entender que a dispensa do atacante refere-se também ao seu desempenho, segundo ele, insatisfatório. "Ele não correspondeu totalmente ao que nós esperávamos", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.