Ben Stansall / AFP
Ben Stansall / AFP

Aubameyang, do Arsenal, está com covid-19 e desfalca o Gabão na Copa Africana

Atacante será desfalque importante na competição que começa nesta sexta-feira

Redação, Estadão Conteúdo

06 de janeiro de 2022 | 12h13

A fase do atacante Pierre-Emerick Aubameyang realmente não é das melhores ultimamente. Em baixa no Arsenal, onde não joga e até perdeu a faixa de capitão, o jogador testou positivo para a covid-19 nesta quinta-feira em sua chegada a Camarões, onde será disputada a Copa Africana de Nações a partir deste sábado. Assim, está fora da estreia pela seleção do Gabão contra Comores, na próxima segunda, em jogo válido pelo Grupo C.

No início desta semana, nas comemorações do Ano Novo, Aubameyang foi visto em uma festa ao lado do seu companheiro de seleção, Mario Lemina, que também testou positivo para a doença de acordo com a Federação Gabonesa de Futebol (FEGAFOOT, na sigla em francês).

Apesar de ser uma das principais estrelas do Arsenal, Aubameyang não atua pelo clube desde o dia 6 de dezembro de 2021. O jogador de 32 anos foi afastado por decisão do técnico espanhol Mikel Arteta, que alegou razões disciplinares.

Com a situação indefinida, jornais europeus já começam a especular uma possível saída de Aubameyang do clube de Londres. Newcastle e Barcelona estão entre os prováveis interessados. Na atual temporada pelo Arsenal, o atacante disputou 15 partidas, marcou sete gols e deu duas assistências.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.