Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Aubameyang, do Arsenal, revela que contraiu malária e agradece aos médicos

Atacante da seleção do Gabão fez uma postagem no Instagram direto da cama do hospital nesta quinta-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

15 de abril de 2021 | 20h37

Pierre-Emerick Aubameyang usou as redes sociais nesta quinta-feira para revelar que contraiu malária. O capitão do Arsenal atuou pela seleção do Gabão durante a janela de jogos internacionais no mês passado.

"Obrigado pelas mensagens e ligações. Infelizmente contraí malária enquanto estive ao serviço da seleção do Gabão há umas semanas. Passei os últimos dias no hospital, mas estou me sentindo melhor a cada dia que passa. Obrigado aos médicos que detectaram e trataram o vírus de forma tão rápida", escreveu o atleta em sua conta do Instagram. "Não me sentia bem nas últimas semanas, mas voltarei mais forte do que nunca"

Aubameyang, que desfalcou o Arsenal na vitória por 3 a 0 sobre o Sheffield United, pelo Campeonato Inglês, e também na goleada por 4 a 0 sobre o Slavia Praga, na República Checa, nesta quinta-feira, pela Liga Europa.

Ele atuou pela última vez na semana passada na partida de ida contra o Slavia Praga, ao entrar aos 33 minutos da etapa final. O atacante gabonês de 31 anos marcou nove gols nesta temporada em 25 jogos pelo Campeonato Inglês. Na temporada passada, foram 22 gols.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.