Audax vence Capivariano e segue na cola da Ponte Preta

O Audax não vai dar sossego para a Ponte Preta e promete brigar por uma vaga às quartas de final do Campeonato Paulista até o fim. Na noite desta quarta-feira, em partida válida pela 12.ª rodada, a estrela de Rondinelly brilhou e, com dois gols, o atacante garantiu a vitória sobre o Capivariano, por 3 a 0, no Estádio José Liberatti. Bruno Paulo completou a contagem.

Estadão Conteúdo

25 Março 2015 | 21h45

Ao se recuperar da derrota diante do Santos no último final de semana, o Audax chegou aos 19 pontos e segue na terceira colocação do Grupo B. A vice-líder Ponte Preta, que enfrenta o Santos nesta quinta, tem 21. Já o Capivariano, mesmo com a derrota, segue em segundo lugar no Grupo D, com 12 pontos. O time, porém, continua correndo risco de rebaixamento.

O primeiro tempo foi totalmente dominado pelo Capivariano, que criou quatro boas chances de abrir o placar, mas esbarrou no goleiro Felipe Alves, que fez duas grandes defesas.

A estrela do técnico Fernando Diniz brilhou no segundo tempo. Logo depois de entrar no lugar do artilheiro Rafael Longuine, Rondinelly cortou Hélio e bateu no ângulo de André Luis, abrindo o placar aos 23 minutos.

O meia liquidaria a partida logo depois. Após passar pelo adversário, Rondinelly invadiu a área e chutou cruzado. Sem forças para reagir, o Capivariano pouco assustou Felipe Alves. Nos acréscimos, Bruno Paulo aproveitou cruzamento rasteiro e tocou por cima do goleiro.

O Audax volta a campo no próximo domingo, contra o Penapolense, às 18h30, no Estádio Tenente Carriço, em Penápolis, pela 13.ª rodada. No sábado, o Capivariano recebe o Rio Claro, também às 18h30, na Arena Capivari, em Capivari.

FICHA TÉCNICA:

AUDAX 3 X 0 CAPIVARIANO

AUDAX - Felipe Alves; Didi, Francis e Léo Bahia; João Paulo (Eduardo), Camacho, Marquinho, Matheus (Bruno Paulo) e Rafael Longuine (Rondinelly); Gilsinho e Ytalo. Técnico - Fernando Diniz.

CAPIVARIANO - André Luís; Oliveira, Hélio, Douglas Marques e Pedro Henrique; Júlio César (Ailton), Samuel Souza, Wilian Favoni e Kleiton Domingues (George); Vinícius (Franci) e Rodolfo. Técnico - Ivan Baitello.

GOLS - Rondinelly, aos 23 e 31, e Bruno Paulo, aos 43 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Norberto Luciano Santos da Silveira.

CARTÕES AMARELOS - Júlio Cesar e Oliveira (Capivariano).

PÚBLICO E RENDA - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio José Liberatti, em Osasco (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.